iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

28/09 - 21:02

Tite evita conflito e ressalta “grande partida” do Inter
"O Internacional fez uma grande partida. Buscou intensidade, pois sabia que estava jogando contra o líder do campeonato", disse

Gazeta Esportiva

PORTO ALEGRE - Nem parecia que Tite acabara de comandar a maior goleada do Internacional sobre o Grêmio em Campeonatos Brasileiros dentro do Beira-Rio. Depois de pulverizar o rival por 4 a 1, o treinador do Colorado evitou disparar contra a equipe que o projetou para o futebol brasileiro.

Polido, contido e com discurso humilde, o técnico do Inter não repetiu o discurso de seus jogadores, que utilizaram a fácil vitória para ironizar o presidente do Grêmio, Paulo Odone, por suas declarações nas vésperas do Gre-Nal.

“O Grêmio é um grande clube e tem um grande presidente. Esse não foi o fator principal. O principal foi o que o Internacional fez: a programação da semana, a torcida que nos apoiou e o fato de termos lambido as nossas feridas. Tivemos efetividade e fizemos os gols”, simplificou.

Para Tite, a apresentação do Internacional neste domingo não teve apenas um jogador como destaque, e sim um conjunto funcionando em harmonia. “O Internacional fez uma grande partida. Buscou intensidade, pois sabia que estava jogando contra o líder do campeonato. Respeitamos, mas também respeitamos o nosso trabalho. Lutamos pelo nosso bem”.

Questionado se o incontestável resultado diante do arqui-rival serviria para apagar de vez da cabeça da torcida do Inter a sua ligação com o Grêmio, clube que dirigiu no início da década, foi cético:

“Sempre vai ter (a desconfiança), não adianta, é inevitável. Mas tenho um orgulho muito grande, que é meu e da minha família, e quero oferecer essa vitória à minha família e ao meu filho Mateus”, finalizou.


Leia mais sobre: Tite Internacional



Alerta de Gols Receba notícias pelo seu celular

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo