iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

28/09 - 15:41

Presidente do Barcelona isenta clube por vandalismo em clássico

No 2º tempo, uma torcida organizada dos blaugranas atirou objetos ao gramado, o que paralisou o jogo

Gazeta Esportiva

BARCELONA (Espanha) - O presidente do Barcelona, Joan Laporta, isentou seu clube de responsabilidade pelos incidentes ocorridos na partida deste sábado contra o Espanyol, pelo Campeonato Espanhol. De acordo com o dirigente, o Barça – que venceu por 2 a 1 – tem feito todos os esforços possíveis nos últimos anos para evitar problemas nas partidas em seu estádio, o Camp Nou, mas não pode evitar que o mesmo aconteça em outros locais.

As declarações acabaram atingindo indiretamente a diretoria do Espanyol, uma vez que o clássico catalão deste final de semana aconteceu no Estádio Olímpico de Montjuic. Durante o segundo tempo do jogo, uma torcida organizada dos blaugranas atirou objetos ao gramado, obrigando o árbitro Luis Medina Cantalejo a paralisar as ações por quase dez minutos.

“O Barça não tem nenhum tipo de responsabilidade. Há seis anos, nós temos tomado medidas para que não se produzam este tipo de condutas no estádio”, afirmou Laporta, que elogiou a atitude da maior parte dos torcedores presentes ao clássico, lamentando apenas a ação da explosiva organizada de seu próprio clube, conhecida como ‘Boixos Nois’.

“As pessoas gritavam para mim, como se eu fosse responsável pelo que estava acontecendo. Eu apenas dizia para eles que não tínhamos nenhuma responsabilidade”, completou o presidente barcelonista. “O Barça toma medidas necessárias para que os torcedores violentos não entrem.”

Curiosamente, foi o último jogo entre os dois rivais catalães no Estádio de Montjuic, já que o contrato de aluguel do local com o Espanyol se encerra no final desta temporada. Com a vitória, o Barcelona foi a dez pontos e encostou nas primeiras colocações. O Espanyol, por sua vez, permaneceu com sete.


Leia mais sobre: Barcelona Campeonato Espanhol



Alerta de Gols Receba notícias pelo seu celular

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo