iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

27/09 - 09:54

Técnico holandês admite deixar Zenit no fim do ano
Técnico holandês quer passar mais tempo com os familiares, conforme declarou em encontro com  Vladimir Putin

Trivela.com

SÃO PETERSBURGO (Rússia) - O técnico holandês Dick Advocaat admitiu a hipótese de deixar o Zenit St. Petersburg no final deste ano. A revelação foi feita durante um encontro com o primeiro-ministro russo Vladimir Putin, na ocasião do 61º aniversário do treinador.

"Tenho que tomar uma decisão séria, porque meus entes queridos querem que eu volte para casa", disse Advocaat a Putin, segundo agências de notícias locais. "Infelizmente, já não sou mais jovem, e tenho de pensar em passar mais tempo com a minha família".

O contrato de Advocaat com o Zenit - time da terra natal de Putin - termina em novembro. Ele assumiu o time em 2006, depois de dirigir a Coréia do Sul na Copa do Mundo da Alemanha. À frente da seleção holandesa, chegou às quartas-de-final da Copa do Mundo de 1994 e às semifinais da Eurocopa-2004.

O Zenit se sagrou campeão russo em 2007, e este ano levantou a Copa Uefa e a Supercopa Européia - este último um título inédito para o futebol russo. Atualmente, o time disputa a fase de grupos da Liga dos Campeões. O bicampeonato nacional é improvável, já que o Zenit ocupa apenas a sétima posição na tabela, a nove rodadas do final.

Leia mais sobre: Dick Advocaat Zenit St. Petersburg



Alerta de Gols Receba notícias pelo seu celular

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo