iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

27/09 - 16:22

Ministro cobra candidatas a sede da Copa

"Não basta vontade. Vontade todas têm. É preciso demonstrar viabilidade", disse Orlando Silva

Agência Estado

SÃO PAULO - O ministro do Esporte, Orlando Silva, cobrou neste sábado que as 18 cidades-candidatas a receber os jogos da Copa de 2014, no Brasil, avancem no planejamento e na organização de seus projetos. A Fifa escolherá até o dia 31 de outubro as 10 ou 12 sedes do Mundial, que será realizado pela segunda vez no País - a primeira ocorreu em 1950.

"Não basta vontade. Vontade todas têm. É preciso demonstrar viabilidade (dos projetos). O caminho é profissionalizar a participação das cidades-candidatas", destacou o ministro, durante seminário com os representantes das cidades postulantes a receber partidas da competição, realizado no Rio de Janeiro.

Segundo o ministro, depois da definição das sedes da Copa de 2014, o presidente Luiz Inácio Lula da Silva se reunirá com os prefeitos e governadores das cidades escolhidas para definir o financiamento das obras de infra-estrutura. "A Copa do Mundo vai antecipar investimentos que o Brasil teria de fazer mais à frente", disse Orlando Silva.

Neste sábado, foram apresentados os itens que devem ser cumpridos pelas cidades. Até terça-feira, representantes dessas regiões se reunirão com membros da Fifa para esclarecer dúvidas. "Quem não cumprir os prazos (estabelecidos pela Fifa) será eliminado", alertou o presidente da Confederação Brasileira de Futebol, Ricardo Teixeira.

Rio Branco, Manaus, Belém, Campo Grande, Cuiabá, Goiânia, Fortaleza, Recife, Maceió, Natal, Salvador, Porto Alegre, Curitiba, Florianópolis, Brasília, Rio de Janeiro, São Paulo e Belo Horizonte são as cidades brasileiras que se candidataram a abrigar jogos do Mundial de 2014.


Leia mais sobre: Copa do Mundo 2014



Alerta de Gols Receba notícias pelo seu celular

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo