iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

26/09 - 18:29

Muricy acha “normal e justo” clássico no Palestra

"Eles têm o direito de jogar no campo deles, é normal e justo" disse o treinador do Tricolor

Gazeta Esportiva

SÃO PAULO - A decisão da Confederação Brasileira de Futebol em relação ao clássico entre Palmeiras e São Paulo não gerou qualquer problema pelos lados do time do Morumbi. A entidade máxima do futebol nacional confirmou nesta sexta-feira que o jogo entre os clubes será no Palestra Itália e o técnico Muricy Ramalho considerou justa a opção.

“Eu não sabia que havia dúvida quanto a isso, sempre achava que seria lá, porque jogamos o primeiro no Morumbi. Eles têm o direito de jogar no campo deles, é normal e justo”, afirmou o comandante são-paulino.

Uma grande confusão se formou na última vez em que os rivais se encontraram no Palestra Itália. No segundo jogo da semifinal do Paulistão deste ano, o vestiário em que estava o time do São Paulo foi tomado por um gás. A polícia ainda investiga o autor do ato de vandalismo.

Apesar de considerar normal a decisão da CBF de marcar o clássico para o estádio do Palestra Itália, Muricy Ramalho reiterou nesta sexta-feira seu descontentamento com o episódio ocorrido no Estadual.

“Aquilo foi um absurdo e quem fez foi muito irresponsável. Graças a Deus eu tenho uma saúde boa. Se tivesse bronquite, teria problema muito sério porque engoli muito gás. Está na mão das pessoas que tomam conta disso. Caso de polícia e não pode acontecer. Além de afetar minha saúde naquele momento, não pude trabalhar. Tem de achar essa pessoa porque tem de responder por isso”, afirmou.

No primeiro turno deste Brasileirão, o São Paulo recebeu o Palmeiras e venceu por 2 a 1, no estádio do Morumbi. O reencontro entre os clubes será no dia 19 de outubro.


Leia mais sobre: São Paulo Brasileirão

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo
Contador de notícias