iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

25/09 - 10:40

Marcos culpa gramado por empate sem gols no Peru

Goleiro do Palmeiras acredita que gramado prejudicou equipe alviverde, que é mais técnica e habilidosa

Gazeta Esportiva

LIMA (Peru) - O Palmeiras ficou no empate por 0 a 0 com o Sport Áncash nesta quarta-feira, em jogo fora de casa pela segunda fase da Copa Sul-americana. Agora, para buscar uma vaga nas quartas-de-final da competição, o time precisa apenas de uma vitória no Parque Antártica – onde jogará na próxima quarta-feira, a partir das 22 horas (horário de Brasília).

No entanto, o resultado poderia ser melhor, caso o Palmeiras tivesse jogado em um gramado natural. Pelo menos, esta foi a opinião do goleiro Marcos, que não gostou de ter jogado sobre o gramado sintético do Estádio Nacional de Lima.

“Nós somos um time mais técnico e habilidoso, mas devido o gramado, não fomos tão bem. É difícil acostumar. Mas o resultado foi bom e agora vamos decidir na nossa casa”, afirmou Marcos, com 401 partidas a serviço do Verdão.

Apesar da cobertura artificial do campo, quase todos os jogadores do Palmeiras optaram pela utilização de chuteiras para grama natural. A única exceção foi Denílson, que calçou chuteiras para futebol society e que acredita que a vitória do Palmeiras não saiu graças ao forte setor defensivo do Áncash.

“Eles foram muito firmes na marcação e demonstraram uma consciência defensiva que anulou o nosso time. Mas acho que nossa equipe está de parabéns. Mesmo almejando a vitória, voltamos para casa com um empate que nos dá a possibilidade de decidir no nosso estádio”, lembrou.

Os jogadores que atuaram nesta quarta-feira retornaram ao país já nesta quinta, mas ganham um dia de folga e só se reapresentam na sexta-feira. O restante do elenco treina normalmente na tarde desta quinta-feira, pensando no confronto do domingo contra o Náutico, fora de casa, pelo Campeonato Brasileiro.


Leia mais sobre: Marcos Palmeiras Copa Sul-Americana Sport Áncash



Alerta de Gols Receba notícias pelo seu celular

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo
[x] fechar