iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

23/09 - 21:32

Paraná vira nos acréscimos e bate o América-RN

Resultado foi fundamental na luta para fugir da zona do rebaixamento, já que o time da casa enfrentava rival direto

Gazeta Esportiva

CURITIBA - A noite quase virou uma tragédia para o Paraná Clube, mas a equipe conseguiu arrancar um resultado positivo aos 46 minutos do segundo tempo, vencendo por 2 a 1 o América-RN, depois de sair perdendo na Vila Capanema. O resultado foi fundamental na luta para fugir da zona do rebaixamento, já que o time da casa enfrentava um adversário direto.

A partida começou morna, apenas com os times se estudando e tocando bola no meio-campo, sem se arriscarem demais – ou nada - no campo de ataque. Aos cinco minutos, Souza levantou na área em cobrança de falta, mas Mauro deixou a bola passar e sair pela linha de fundo. Com o jogo truncado, o Tricolor encontrava dificuldade para criar sua primeira chance.

A oportunidade surgiu apenas aos 14 minutos. Depois de jogada de Éder, André Luiz apareceu para arrematar de fora da área e obrigar Fabiano a fazer boa defesa. Aos 17 minutos, Julio Terceiro tentou uma jogada plástica, batendo de primeira, mas errou a mira. Apesar do equilíbrio, o time potiguar começou a se soltar um pouco, aproveitando a dificuldade de criação paranista.

E a pequena superioridade que aparecia se converteu em gol aos 24 minutos. A zaga do Paraná vacilou e Max apareceu na área para girar o corpo e bater para o fundo das redes. O Tricolor tentou responder aos 30 minutos, com uma bicicleta de Leonardo que Fabiano desviou em escanteio. Aos 38 minutos, Éder tabelou com Cristian e bateu para mais uma defesa do goleiro potiguar, no reflexo.

Na segunda etapa, o técnico Paulo Comelli, tentando responder às reclamações do torcedor, colocou o jovem Giuliano, tentando dar mais criatividade ao setor de criação. Porém, em vantagem no placar, o América voltou do intervalo com a marcação ainda mais forte. Aos cinco minutos, Fabinho cruzou, a zaga se atrapalhou, mas Fabiano ficou com a bola. Aos 10 minutos, Cristian tentou bater de primeira e assustou.

O Tricolor melhorou na partida, mas ainda encontrava muita dificuldade para passar pela defesa potiguar. Aos 13 minutos, Cristian cobrou falta, mas a bola subiu demais e passou por cima da meta. Aos 15 minutos, Fabrício arriscou de longe e Fabiano quase engoliu um frango, conseguindo desviar pela linha de fundo. Até que aos 20 minutos, Fabinho fez a jogada e cruzou em cima da zaga. No rebote, Giuliano pareceu para mandar para o fundo das redes.

O gol animou o time paranaense, que partiu para o ataque. Aos 24 minutos, Éder recebeu na entrada da área e bateu cruzado, com muito perigo. Na resposta, aos 28 minutos, Nicácio mandou a bomba e Mauro segurou firme. Porém, aos 34 minutos, Leandro recebeu o cartão vermelho e deixou o Tricolor com um a menos. Aos 42 minutos, Vandinho foi expulso e deixou tudo igual. E aos 46 minutos, Pimpão ganhou da zaga e rolou para Murilo, que fuzilou para as redes.

Na próxima rodada, o Paraná Clube, fora da zona de rebaixamento, volta a campo na sexta-feira, quando tem outra partida em casa, desta vez diante do Criciúma, na Vila Capanema. Já o América-RN joga no sábado, quando recebe o Juventude, no Estádio Machadão, em Natal.

FICHA TÉCNICA:
PARANÁ 2 x 1 AMÉRICA/RN

Local: Estádio Durival Britto e Silva, em Curitiba (PR)
Data: 23 de setembro de 2008, terça-feira
Horário: 19h30 (de Brasília)
Árbitro: Pablo dos Santos Alves (RJ)
Assistentes: Carlos Berkenbrock e Alcides Zawaski Pazetto (Ambos de SC)
Cartões amarelos: Leandro, Giuliano, Leonardo (Paraná); Júlio Terceiro, Max, Maranhão, Maizena, Cascata, Vandinho, Róbson, Jimmy (América-RN)
Cartões vermelhos: Leandro (Paraná); Vandinho (América-RN)
Gols: PARANÁ: Giuliano, aos 20 minutos e Murilo, aos 46 minutos do segundo tempo. AMÉRICA-RN: Max, aos 24 minutos do primeiro tempo.

PARANÁ: Mauro; André Luiz (Murilo), Fabrício, Leandro e Fabinho; Agenor, Rômulo (Giuliano), Kléber e Cristian (Pimpão); Leonardo e Éder.
Técnico: Paulo Comelli

AMÉRICA/RN: Fabiano; Róbson, Adalberto e Júlio Terceiro; Maizena, Maranhão (Jimmy), Saulo, Souza e Vandinho; Cascata (Elias) e Max (Marcelo Nicácio).
Técnico: Ruy Scarpino 


Leia mais sobre: Paraná América-RN



Alerta de Gols Receba notícias pelo seu celular

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo
[x] fechar