iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

23/09 - 14:46

Branco entra na mira do STJD

O dirigente do Fluminense deverá ser julgado no Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) pelo artigo 274

Gazeta Esportiva

CURITIBA - O árbitro Jailson Macedo Freitas, da Bahia, relatou na súmula da partida contra o Coritiba que Branco, coordenador do departamento de futebol do Fluminense, invadiu o campo para reclamar da sua arbitragem.

Com isso o dirigente deverá ser julgado no Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) pelo artigo 274 (invadir local destinado à equipe de arbitragem, ou à partida, prova ou equivalente, durante sua realização, inclusive no intervalo regulamentar ou nele ingressar sem a necessária autorização), podendo pegar uma pena que varia de 120 a 720 dias de suspensão.

Branco estava indignado com a não marcação de um pênalti em cima de Washington e pelo fato de o Coração Valente, no lance, ter recebido o terceiro cartão amarelo, que o tirou do clássico contra o Botafogo. O dirigente teria, segundo a súmula, se dirigido ao árbitro e dito: ‘Apite o jogo normal’.

Nesta quarta-feira, quando o time vai treinar à tarde, o técnico Cuca começará a definir o time que vai a campo. O treinador aguarda por uma definição quanto ao aproveitamento do zagueiro Luiz Alberto e do lateral-direito Eduardo Ratinho, que se recuperam de um estiramento muscular na coxa esquerda. Os dois estão praticamente vetados.

Com isso, Carlinhos assumirá a lateral direita, enquanto na zaga Edcarlos está cotado, mas vem reclamando de dores no joelho direito, deixando Roger de sobreaviso. No ataque, Somália substituirá Washington e será o companheiro de ataque de Ciel.


Leia mais sobre:



Alerta de Gols Receba notícias pelo seu celular

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo
[x] fechar