iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

23/09 - 11:26

Áncash justifica atraso salarial: a deficitária Sul-americana

O time peruano vive um período turbulento; jogadores já realizaram uma greve devido aos atrasos nos salários

Gazeta Esportiva

LIMA (Peru) - Adversário do Palmeiras na quarta-feira, o Sport Ancash, do Peru, vive um período turbulento. Os jogadores já realizaram uma greve devido aos atrasos nos salários.

O presidente do clube, Jose Mallqui, veio a público culpar a deficitária Copa Sul-americana pela situação financeira da equipe.

”Para o Ancash, não convém disputar essa Copa Sul-americana porque nos traz uma série de gastos que não temos capacidade de suportar. Isso nos fez ficar em dívida com todo o elenco”, justificou o dirigente.

Na primeira fase da Sul-americana, Mallqui revelou que o Ancash teve um prejuízo de US$ 25 mil para enfrentar o Nublense, do Chile. Enquanto isso, o clube reclama não ter recebido nada da Conmebol (Confederação Sul-americana de Futebol) para entrar em campo.

”Tive que colocar dinheiro dos salários dos jogadores para cobrir os gastos destas partidas”, reforçou Mallqui.

Na semana passada, os jogadores do Ancash valorizaram a Copa Sul-americana, já que viram a possibilidade de mostrarem um bom trabalho para uma futura transferência ao exterior.

Igualdade
No final de semana, o Sport Ancash teve uma atuação discreta diante do Atlético Minero pela 12ª rodada do Torneio Clausura do Campeonato Peruano. O empate por 0 a 0 mantém a equipe em sexto lugar na tabela, com 18 pontos. O líder San Martín está com 26.


Leia mais sobre:



Alerta de Gols Receba notícias pelo seu celular

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo
[x] fechar