iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

20/09 - 21:37

Longe da filha, Hélio dos Anjos reprova segundo tempo da goleada

"No segundo estivemos mal defensivamente e o adversário levou alguma vantagem”, disse o treinador

Gazeta Esportiva

GOIÂNIA - Enquanto comandava o Goiás na goleada por 4 a 1 sobre o Santos, Hélio dos Anjos também estava com a cabeça na filha, que se formava em uma faculdade de São Paulo. E a ausência na festa, aliada à reprovação com o time no segundo tempo, causou irritação no técnico mesmo na alegria pelo resultado.

“O primeiro tempo foi perfeito, mas no segundo estivemos mal defensivamente e o adversário levou alguma vantagem”, apontou o comandante, que já havia dito nos vestiários que estava satisfeito apenas com os primeiros 15 minutos, quando seu time já vencia por 3 a 0.

Após Rafael Marques fazer o quarto gol esmeraldino, Hélio viu as deficiências de sua equipe ampliarem. “O Santos não tinha nada a perder e, como estava tomando de quatro, se lançou e isso trouxe problemas para nós”, analisou.

Os três pontos com uma atuação convincente ao menos por 15 minutos, contudo, acalmaram a intranqüilidade do treinador, ansioso por chegar a São Paulo para cumprimentar a filha.

“Esta é uma noite especial para mim. Estou com saudades da minha filha, que está se formando em uma das melhores faculdades do país. Toda a minha família está lá e, infelizmente, só vou chegar amanhã”, lamentou.


Leia mais sobre: Goiás Brasileirão



Alerta de Gols Receba notícias pelo seu celular

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo
[x] fechar