iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

18/09 - 12:17

Mesmo sem entrosamento ideal, André Dias aprova nova zaga

Atualmente, defesa tricolor é a quarta menos vazada do Brasileirão, ao lado de Sport, Vitória e Cruzeiro

Gazeta Esportiva

SÃO PAULO - Vazada somente 19 vezes nos 38 jogos do Campeonato Brasileiro de 2007, a defesa do São Paulo colocou em evidência os nomes dos zagueiros Breno, Alex Silva e Miranda, titulares em boa parte da competição que culminou com a conquista do bicampeonato tricolor.

Remodelada no início de 2008 com a entrada do experiente André Dias na vaga de Breno, negociado com o Bayern de Munique, a zaga não reeditou o desempenho quase perfeito do ano anterior, mas seguiu cumprindo sua função com competência, tanto no Paulistão quanto no atual Brasileiro, quando sofreu seu segundo grande desfalque, com a saída de Alex Silva para o Hamburgo.

Remanescente do setor, André Dias confessou que o novo “tripé”, agora formado por ele, Miranda e Rodrigo, contratado junto ao Dínamo de Kiev, da Ucrânia, ainda tem muito a evoluir na temporada.

“A gente está se entrosando ainda e não dá para dizer que temos o entrosamento ideal. Fizemos uma boa partida (contra o Flamengo), mas, para chegar ao nível do ano passado, precisamos de mais jogos”, adiantou, emendando, na seqüência, elogios ao “caçula do setor”.

“Conheço o Miranda há dois anos e o Rodrigo há apenas dois meses, mas ele é um jogador muito experiente e isso irá nos ajudar muito”, finalizou o ex-defensor do Goiás, otimista com o futuro da zaga tricolor, atualmente a quarta menos vazada do Brasileirão, ao lado  de Sport, Vitória-BA e Cruzeiro, com 26 gols sofridos (a melhor é a do Grêmio, que só levou 18).


Leia mais sobre:



Alerta de Gols Receba notícias pelo seu celular

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo
[x] fechar