iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

16/09 - 23:20

Para Mano, Corinthians relaxou em Taguatinga

"Quero concentração o tempo inteiro porque essa é a característica do nosso time", reclamou o treinador

Gazeta Esportiva

TAGUATINGA - Evitar o relaxamento de seus jogadores é a rotineira justificativa do técnico Mano Menezes para não projetar o acesso do Corinthians, o título da Série B ou a próxima temporada. Nesta terça-feira, entretanto, ele viu a equipe desconcentrada no empate por 1 a 1 com o Brasiliense, na Boca do Jacaré.

“O Brasiliense fez a sua parte, e nós estivemos aquém daquilo que poderíamos fazer. Uma prova disso é o gol que tomamos. Não é brincar, mas você facilita e relaxa. Daqui a pouco, a gente deixa escapar um resultado. Quero concentração o tempo inteiro porque essa é a característica do nosso time”, reclamou Mano.

No gol do Brasiliense, o volante Carlos Alberto errou um passe e cedeu a bola para Marcinho marcar. O técnico do Corinthians evitou culpar o substituto de Nilton (lesionado) pelo empate, mas classificou a falha como “emblemática”. “Foi um erro de avaliação, que simboliza o que não pode ser feito. A gente cometeu outros desse tipo no jogo.”

“Cabe ao treinador cobrar os jogadores. Estou aqui para isso, para mostrar o caminho. Agora é a hora de arredondar as coisas. Somos fortes porque não relaxamos. Só devemos deixar que nos tirem pontos quando os adversários tiverem muitos méritos para isso”, completou a bronca pública Mano Menezes.

Autor do gol corintiano em Taguatinga, o meio-campista Elias acatou a reclamação do treinador. “Não falta vontade. É normal falhar em alguns lances. Infelizmente, erramos bastante contra o Brasiliense e isso nos custou a vitória. Mas o Mano já conversou com a gente, e tentaremos corrigir isso durante a semana”, comentou.


Leia mais sobre: Mano Menezes Corinthians



Alerta de Gols Receba notícias pelo seu celular

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo
[x] fechar