iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

14/09 - 19:05, atualizada às 09:13 15/09

Para Palmeiras, vitória contra Cruzeiro cala críticos
“Como estou eu aqui, o pessoal pega um pouco mais forte”, disse Luxemburgo

Gazeta Esportiva


RECIFE - A derrota por 3 a 0 para o Sport na última rodada havia sido um duro golpe para o Palmeiras na briga pelo título do Campeonato Brasileiro. Além de perder a invencibilidade conquistada no Parque Antártica em 2008, o time deixou escapar a vice-liderança para o Cruzeiro e ainda perdeu seus dois atacantes titulares, Alex Mineiro e Kléber, para o próximo jogo da competição – exatamente contra os cruzeirenses.

Mas dez dias se passaram, e o Palmeiras conseguiu reassumir seu lugar na briga pelo título nacional. Neste domingo, o time comandado pelo técnico Vanderlei Luxemburgo foi a Belo Horizonte e venceu a Raposa por 1 a 0 no Mineirão, graças ao gol do meia Diego Souza. Com isso, o time diminuiu para apenas três pontos a desvantagem para o Grêmio, que foi derrotado na véspera por 2 a 1 pelo Goiás no Estádio Olímpico.

Com o placar, o Palmeiras espera ter respondido aos críticos de sua campanha, voltando a brigar pelo pentacampeonato brasileiro. “Quando você joga em uma equipe grande como o Palmeiras, as críticas vão ser constantes. E quando você perde jogadores de qualidade como o Kléber e o Alex Mineiro, o grupo sente bastante. Mas sempre que o elenco foi solicitado, os jogadores mostraram qualidade e capacidade de brigar pelo título”, afirmou o zagueiro Gustavo, após o jogo deste domingo em Minas Gerais.

Os ‘críticos’ também foram lembrados pelo técnico Wanderley Luxemburgo, ainda que de maneira menos incisiva. De acordo com o comandante palestrino, sua equipe deu mostras de que pode remar contra a maré do Campeonato Brasileiro, somando pontos fora de seus domínios para tentar assumir a liderança.

“A crítica pertence à nossa cultura no Brasil. Não era uma crítica só ao Palmeiras, mas a todas as equipes – menos ao Grêmio, que vinha vencendo fora de casa, e ao Botafogo, que não perdeu nos últimos 11 jogos”, disse Luxemburgo, lembrando das oito vitórias e três empates dos cariocas e temendo que as acusações que o Palmeiras sofre possam ser influência sua. “Como estou eu aqui, o pessoal pega um pouco mais forte”, explica.

O Verdão volta a entrar em campo na quarta-feira, quando recebe o Vasco no Palestra Itália pelo jogo de volta da primeira rodada da Copa Sul-americana. No domingo, os dois times reeditam o confronto no mesmo palco, mas pelo Brasileirão.


Leia mais sobre: Palmeiras



Alerta de Gols Receba notícias pelo seu celular

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Gazeta Press

Na briga
Palmeiras derrota o Cruzeiro fora de casa e está novamente na disputa pelo título

Topo
[x] fechar