iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

14/09 - 21:00

Márcio Fernandes “esquece” rebaixamento e foca vôos mais altos
“Não estamos a três do rebaixamento, mas a um da Sul-Americana", disse

Gazeta Esportiva

SANTOS - Invicto desde que foi efetivado no comando do Santos após a saída do técnico Cuca (perdeu para o Náutico, mas como interino), o técnico Márcio Fernandes tirou a equipe da lanterna da competição e irá dormir neste domingo como o 14º colocado do Brasileirão. Apesar de estar separado da zona de rebaixamento por apenas três pontos (29 contra 26 do Vasco), o comandante alvinegro preferiu “esquecer” a ameaça da queda após a vitória por 2 a 1 sobre o Fluminense, a terceira sob seu comando, e focar seu pensamento em vôos mais altos, como a conquista de uma vaga à Copa Sul-Americana.

“Não estamos a três do rebaixamento, mas a um da Sul-Americana. Quando assumimos, falamos que esse era o nosso pensamento e estamos chegando, devagarzinho”, comemorou o técnico, lembrando que o Atlético-MG, com 30 pontos, é o último time que estaria classificado para a competição continental.

Ambicioso, o ex-interino santista arriscou projetar até a conquista de uma das quatro vagas para a Libertadores, hoje nas mãos do Botafogo, que tem 13 pontos a mais que o Alvinegro da Vila Belmiro.

“Temos que pensar sempre à frente e com muita luta. Se conseguirmos chegar à Sul-Americana, temos que permanecer nela. Ficando lá, podemos buscar uma vaga na Libertadores. Quando eu cheguei, estávamos mais longe. Agora, estamos só longe”, concluiu, ganhando apoio do volante Bida, autor do segundo gol do Peixe. “Nosso pensamento agora é lá na frente da tabela”, avisou.


Leia mais sobre: Márcio Fernandes Santos



Alerta de Gols Receba notícias pelo seu celular

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo
[x] fechar