iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

14/09 - 18:50

Lembrando Edmundo, Leandro Amaral lamenta dia de goleiro
“É difícil. O professor me pediu para ajudar, pois passamos novamente por uma situação de goleiro expulso com as substituições todas feitas”, lamentou o jogador

Gazeta Esportiva

RIO DE JANEIRO - Parece reprise. Após fazer suas três substituições, o Vasco teve o seu goleiro expulso e teve que apelar para que um jogador do ataque defendesse a sua meta.

Contra o Cruzeiro, no dia 4, Edmundo foi para o gol. Neste domingo, contra o Náutico, foi a vez de Leandro Amaral, que assim como o companheiro de ataque também sofreu um gol durante a troca de posição.

A equipe cruzmaltina perdia por 2 a 1 quando o atacante Felipe foi lançado com liberdade pela esquerda e, ao ver Roberto saindo do gol, tentou encobri-lo. Fora da área, o arqueiro colocou a mão na área e recebeu o cartão amarelo.

Autor do gol cruzmaltino no confronto, Leandro Amaral foi o escolhido pelo técnico Tita para usar as luvas até o final da partida. A expulsão aconteceu aos 38 minutos.

Já nos acréscimos, aos 46 minutos da etapa complementar, o Náutico definiu o marcador quando Ruy recebeu lançamento pela direita e cruzou para Felipe escorar, com Leandro Amaral já batido no lance.

“É difícil. O professor me pediu para ajudar, pois passamos novamente por uma situação de goleiro expulso com as substituições todas feitas”, lamentou o jogador ao deixar o gramado.

Com a derrota, o Vasco permanece com 26 pontos e terminará a rodada na zona de rebaixamento da competição, ultrapassado por Santos ou Fluminense.


Leia mais sobre: Vasco Leandro Amaral



Alerta de Gols Receba notícias pelo seu celular

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo
[x] fechar