iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

11/09 - 00:21

Torcida vaiou Brasil e insistiu no grito de “Adeus Dunga”

"Burro" foi o adjetivo mais utilizado em relação ao treinador, considerado o principal culpado pelo empate

Gazeta Esportiva

RIO DE JANEIRO - Se o técnico Dunga esperava que a torcida deixaria de critica-lo após a vitória de 3 a 0 do Brasil sobre o Chile, fora de casa, no último final de semana, estava muito enganado. Durante toda partida contra a Bolívia, nesta quarta-feira, terminada em um empate sem gols, o treinador foi chamado de “burro” pela pouca torcida que foi até o Estádio João Havelange, o Engenhão.

Já no primeiro tempo, enquanto o Brasil se complicava para tentar chegar ao ataque, embrenhando na acirrada marcação andina, os cariocas já começaram com os primeiros gritos de insatisfação.

No intervalo, alguns torcedores ainda apostariam na irreverência e cantariam músicas de times cariocas, como o Flamengo: “Tu és time de tradição, raça, amor e paixão, oh meu Mengo!”.

Na etapa complementar, a impaciência chegou ao seu limite e os gritos se intensificaram, com os torcedores chamando repetidamente Dunga de “burro” e dando uma música que dava “Adeus” ao técnico brasileiro.


Leia mais sobre: Dunga seleção brasileira



Alerta de Gols Receba notícias pelo seu celular

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo
[x] fechar