iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

11/09 - 09:18

Maradona diz que Messi é muito individualista

Ex-jogador afirmou que Messi joga para si mesmo e se esquece dos seus companheiros, após o empate com o Peru

EFE

BUENOS AIRES (Argentina) - O ex-craque Diego Maradona afirmou que o atacante argentino Lionel Messi, do Barcelona, é muito individualista quando atua pela seleção de seu país, motivo pelo qual deveria jogar mais "em equipe".

"Às vezes, Messi joga para ele mesmo e se esquece de seus companheiros. É o Deportivo Messi. Se jogasse mais próximo de Sergio Agüero ou de Juan Román Riquelme, enganaria mais os marcadores" disse Maradona na noite de quarta-feira à rede de televisão "Fox Sports".

"Tomara que ele seja melhor do que eu. Seria muito bom para os argentinos", disse o ex-craque, em referência à constante comparação feita entre ambos.

Mas, prosseguiu Maradona, no meio-campo da seleção, o ex-corintiano Javier Mascherano representa "muito mais que Riquelme e Messi".

Sobre outro ex-corintiano, o atacante Carlos Tévez - expulso na partida de sábado contra o Paraguai, em Buenos Aires, pelas Eliminatórias sul-americanas para a Copa do Mundo de 2010 -, Maradona disse que "é preciso acalmá-lo e mimá-lo mais".

"Só o que ele pede é segurança. Nem a braçadeira de capitão nem nada de extraordinário. Essa insegurança o leva a fazer mais do que pode e a exagerar", disse em relação às seguidas expulsões do atacante.

Maradona se disse preocupado com a falta de vitórias da seleção argentina, principalmente em casa. "Fico preocupado por não podermos definir os jogos na base da pressão e da camisa", disse.

Nas duas últimas partidas pelas Eliminatórias, a Argentina empatou em 1 a 1 com o Peru, em Lima, nesta quarta-feira, e com o Paraguai, em Buenos Aires, no último sábado.


Leia mais sobre:



Alerta de Gols Receba notícias pelo seu celular

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo
[x] fechar