iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

11/09 - 03:06

Brasileiros apontam retranca boliviana como vilã do empate

Jogadores brasileiros apontaram o estilo de jogo recuado dos bolivianos como explicação para o fraco empate

Gazeta Esportiva

RIO DE JANEIRO - Após o empate brasileiro por 0 a 0 com a seleção boliviana, os jogadores do Brasil foram unânimes no diagnóstico para a fraca atuação desta quarta-feira: a retranca boliviana. “A Bolívia veio jogando com os 11 no campo deles, explorando os contra-ataques, mas a partir do momento em que jogamos com um homem a mais, não soubemos aproveitar”, disse o goleiro Júlio César.

O lateral Juan, por vezes apoiado pela torcida, em parte flamenguista, concordou com a análise do arqueiro brasileiro. “Foi difícil furar o bloqueio da Bolívia, com dez atrás da linha da bola foi difícil de a gente entrar”, lamentou o atleta.

O assistente técnico Jorginho endossou a análise dos jogadores. O auxiliar de Dunga ainda apontou mais um vilão na noite desta quarta-feira: o gramado do Engenhão. “O gramado aqui dificultou. No Chile, o gramado era bom e tivemos mais facilidade para criar”, afirmou o ex-lateral, que foi mais econômico ao analisar a má exibição da seleção brasileira.

“Esperávamos uma atuação melhor, nós lamentamos pois queríamos a vitória. Mas precisamos entender que não é fácil jogar com uma equipe que joga totalmente atrás”, analisou Jorginho.


Leia mais sobre:



Alerta de Gols Receba notícias pelo seu celular

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo
[x] fechar