iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

10/09 - 09:17

Ministro italiano alerta para infiltrações da máfia em torcida

Roberto Maroni afirmou que torcedores do Napoli envolvidos em confusão na primeira rodada tem relação com a máfia

EFE

ROMA (Itália) - O Ministro do Interior da Itália, Roberto Maroni, alertou hoje para a presença de membros da Camorra entre os torcedores do Napoli, protagonistas dos incidentes de 28 de agosto enquanto viajavam para a capital italiana para assistir à partida da equipe contra a Roma.

Maroni compareceu hoje no Senado para reconstituir os distúrbios e destruição causados por cerca de cem torcedores napolitanos nas estações de Nápoles e Roma.

Segundo o ministro, dos 3.096 torcedores que viajaram a Roma para acompanhar a partida, 800 têm antecedentes criminais e 27 são ligados à máfia local, a Camorra.

Além disso, acrescentou que 206 torcedores identificados estão incluídos nos registros policiais por terem sido vistos em companhia de pessoas ligadas a associações mafiosas.

"A presença de um número tão alto de pessoas com antecedentes criminais, pertencentes ou relacionados com a Camorra constitui um novo fator de risco e um multiplicador da violência no futebol", acrescentou.

O principal responsável da Polícia italiana, Antonio Manganelli, disse há poucos dias estar convencido de que existe "uma influência do crime organizado" nos incidentes causados por alguns torcedores do Napoli.

Diante destes incidentes, as torcidas organizadas do Napoli foram proibidas de viajar para acompanhar sua equipe nos jogos fora de casa até o final do campeonato, e foi decretado ainda o fechamento das Curvas A e B das arquibancadas do estádio San Paolo até 31 de outubro.

Maroni anunciou também hoje que serão proibidas as viagens dos torcedores do Catania, que enfrenta a Inter de Milão, e da Fiorentina, que enfrentará o Napoli, na próxima rodada, por serem considerados jogos de risco.

O ministro anunciou ainda para amanhã o lançamento de uma campanha antiviolência para conscientizar os torcedores por meio de anúncios publicitários que serão exibidos na televisão, cinemas e nos telões dos estádios antes das partidas. 


Leia mais sobre:



Alerta de Gols Receba notícias pelo seu celular

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo
[x] fechar