iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

09/09 - 23:07

Paraguai passa pela fraca Venezuela e mantém liderança isolada
Paraguaios venceram por 2 a 0 e não podem ser ultrapassados na ponta das Eliminatórias Sul-Americanas nesta rodada

Gazeta Esportiva

ASSUNÇÃO - O Paraguai recebeu nesta terça-feira a Venezuela, em Assunção, e cumpriu com o esperado: passou por 2 a 0 pelos venezuelanos e conseguiu se manter na liderança das Eliminatórias Sul-americanas para a Copa do Mundo de 2010, à frente de Brasil e Argentina.

Com a vitória sobre a seleção vinotinto, os paraguaios se mantiveram no topo do torneio qualificatório, chegando agora aos 17 pontos, nada mais que dez à frente dos venezuelanos. Independente dos outros resultados, com os três pontos neste jogo que abriu a rodada o Paraguai manterá sua posição, pois está com quatro pontos a mais que seus concorrentes diretos.

A seleção paraguaia foi a campo motivada não só pela torcida que lotou o Estádio Defensores del Chaco, mas também pelo empate por 1 a 1 conseguido diante da Argentina, em Buenos Aires, no último sábado.

Mesmo sem poder contar com sua força total, pois para este jogo tinha dois desfalques, do zagueiro Julio Cáceres e do volante Enrique Vera, suspensos, não demoraria para que o Paraguai impusesse pressão em casa diante dos fracos visitantes, que não vêm fazendo a campanha que era esperada e que quase não têm esperanças de rumar para a África do Sul daqui há dois anos.

Logo aos seis minutos, Haedo Valdez já empolgaria a torcida paraguaia quando recebei na entrada da área, driblou seu marcador e teve que ser parado com falta quando já se aproximava perigosamente da área. Na cobrança, no entanto, Barreto deixou a bola na barreira, desperdiçando uma grande chance.

O primeiro gol dos donos da casa, apesar da enorme pressão desde o início da partida, só sairia aos 27 minutos, quando Roque Santa Cruz recebeu ajeitou para Morel Rodriguez. O lateral chutou cruzado e, no meio da área, Riveros apareceu e colocou o pé na bola para abrir o placar.

Aos 40 minutos, por pouco não veio o segundo. Depois do cruzamento de Bonet, a defesa venezuelana não consegue o corte e a bola sobrou para Santa Cruz. O camisa 9 girou chutando e a bola acabou indo para fora, raspando a trave da meta venezuelana.

Nem bem os paraguaios haviam se recuperado da grande chance desperdiçada por Santa Cruz, o time ampliaria o resultado. Cinco minutos mais tarde, aos 45, Santa Cruz escorou de cabeça e deixou Haedo Valdez na cara do gol. O atacante paraguaio ainda tirou a bola do alcance do goleiro Vega e garantiu o placar final de 2 a 0.

Na próxima rodada, o Paraguai defenderá a liderança diante da Colômbia, fora de casa, no dia 11 outubro, sábado. Já a Venezuela recebe o Brasil no mesmo dia.


Leia mais sobre:



Alerta de Gols Receba notícias pelo seu celular

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Reuters

NINGUÉM NA FRENTE
Haedo Valdez, artilheiro do Paraguai e das Elliminatórias, marcou o segundo gol paraguaio

Topo
[x] fechar