iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

09/09 - 12:36

Hamburgo inaugura cemitério dedicado a torcedores na Alemanha

Cemitério do clube tem o formato de um estádio, e terá a receita do uso da imagem revertida para o próprio local

EFE

BERLIM (Alemanha) - O Hamburgo, da Alemanha, inaugurou hoje um cemitério dedicado a seus torcedores, ao lado da casa do clube, a Nordbank Arena.

O local é integrado ao cemitério municipal de Altona e tem o formato de um estádio. Os torcedores, que já podem reservar seus túmulos, poderão ser enterrados com caixões com as cores e o escudo do clube dos brasileiros Thiago Neves, ex-Fluminense, e Alex Silva, ex-São Paulo.

Apesar do apoio ao projeto, o Hamburgo afirmou que não ganhará dinheiro com o cemitério e que a receita vinda dos direitos de uso do escudo serão revertidos para o local.

A idéia da construção do espaço dedicado aos torcedores surgiu após um dos jardineiros do cemitério de Altona ouvir constantemente perguntas de torcedores sobre a possibilidade de comprarem túmulos perto do estádio.

Já o Hamburgo afirmou que também recebeu pedidos de um torcedor de 41 anos, que pretendia depositar uma urna com suas cinzas na cadeira cativa que possui na Nordbank Arena, o que não é permitido pela legislação alemã.

A Alemanha também proíbe que se espalhem cinzas no estádio - o que é permitido na Holanda - e que urnas sejam enterradas à beira do campo.

O cemitério do Hamburgo pode receber até 500 túmulos e já foi procurado por 20 interessados. Já as funerárias oferecem ofertas especiais e usam slogans como "a verdadeira paixão não conhece o apito final".

No entanto, o pioneiro neste tipo de projeto foi o Boca Juniors, que construiu um cemitério dedicado aos seus torcedores na Argentina. EFE rz/plc


Leia mais sobre:



Alerta de Gols Receba notícias pelo seu celular

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo
[x] fechar