iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

06/09 - 21:29, atualizada às 11:36 07/09

Xingado de “macaco”, Carlos Alberto vai à delegacia
Carlos Alberto irritou a torcida do Coritiba ao cometer falta mais dura e ser punido com cartão amarelo

Gazeta Esportiva

CURITIBA - A torcida Coxa Branca não poupou o meia Carlos Alberto durante a vitória por 1 a 0 do Botafogo sobre o Coritiba, neste sábado, no estádio Couto Pereira. Um torcedor se exaltou: chamou o irreverente jogador de “macaco” e arremessou uma garrafa d’água no gramado.

Do campo, Carlos Alberto se dirigiu à delegacia, acompanhado por dois policiais, para registrar queixa por racismo. Segundo o SporTV, o torcedor que ofendeu o meio-campista foi localizado.

Carlos Alberto irritou a torcida do Coritiba ao cometer falta mais dura e ser punido com cartão amarelo. Desde então, passou a ser perseguido não só pelos jogadores de marcação do time paranaense, mas também pelo público que estava no Couto Pereira.

O zagueiro Tiago Bernardi, do Coritiba, reclama que o próprio Carlos Alberto se espantou por não ser expulso na partida. “É bom ficar quieto e não falar sobre o árbitro, mas ele deixou o jogo seguir. Em uma jogada, o Carlos Alberto me disse: ‘Pô, não fui expulso?’. Pois é. Fazer o quê?”, protestou.


Leia mais sobre: Coritiba Botafogo Carlos Alberto

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Gazeta Press

Justifica?
Falta dura de Carlos Alberto gerou protestos racistas da torcida paranaense

Topo