iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

05/09 - 11:32

Mutu recorre ao TAS contra multa milionária
Atacante foi condenado a indenizar o Chelsea em € 17,17 milhões após ser dispensado por uso de cocaína

Trivela.com

FLORENÇA (Itália) - O atacante romeno Adrian Mutu decidiu recorrer ao Tribunal Arbitral do Esporte (TAS) contra a multa milionária que a Fifa lhe obriga a pagar ao Chelsea por violação de contrato. O jogador da Fiorentina foi condenado a indenizar o clube inglês em € 17,17 milhões, por causa da ruptura do vínculo em outubro de 2004.

Mutu teve seu contrato rescindido pelo Chelsea depois de dar resultado positivo para cocaína em um exame antidoping. O time londrino havia desembolsado € 22,4 milhões para tirá-lo do Parma, em 2003.

Depois de deixar o Chelsea, Mutu assinou com a Juventus em janeiro de 2005, mas só pôde jogar em maio, quando terminou sua suspensão de sete meses. Após disputar a temporada 2005/6 pelo clube de Turim, foi negociado com a Fiorentina, onde se firmou como um dos principais atacantes do futebol italiano.

Em comunicado oficial, o TAS afirma que Mutu pediu a anulação da multa, por considerar que não deve indenizar o Chelsea. O tribunal de Lausanne, na Suíça, deve anunciar sua decisão em um espaço de quatro meses.

Leia mais sobre:

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo