iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

05/09 - 22:33

Brasiliense bate Ceará e respira na Série B

Vitória por 3 a 1 leva o time da casa aos 23 pontos, já o Vovô segue com 36 pontos

Gazeta Esportiva

TAGUATINGA - Buscando sair da zona do rebaixamento, o Brasiliense recebeu o Ceará, nesta sexta-feira, na Boca do Jacaré, conquistando importante vitória por 3 a 1.

Mesmo com os três pontos, o time do Distrito Federal segue entre os quatro piores da Série B com 23, mas só precisa de novo triunfo na próxima rodada para deixar os concorrentes para trás. Já o Ceará, segue com 36 pontos, perdendo contato com o grupo que ascenderá à elite do futebol nacional em 2009.

A partida em Taguatinga começou agitada e com apenas cinco minutos de jogo, o Jacaré abriu o placar, para alegria da torcida local. Marcinho cobrou falta com precisão e colocou os donos da casa em vantagem.

O ritmo dos anfitriões no começo da partida era impressionante. Menos de dez minutos depois do gol, o Brasiliense voltou a marcar, ampliando a vantagem. Marcinho, em nova cobrança de falta, colocou a bola na trave cearense e no rebote, Thiago Félix mandou para as redes.

A partida seguiu morna após o começo emocionante, e o Brasiliense só voltou a criar boa chance aos 31 minutos, quando Leandro Neto subiu sozinho para cabecear e errou o alvo por pouco.

A primeira etapa terminou com o Brasiliense liderando confortavelmente a partida, e o Ceará sem forças para reverter a situação adversa.

No início da segunda etapa, a torcida do Ceará protagonizou cenas lamentáveis, trocando agressões com a polícia, que teve que reforçar o contingente no local que estavam os torcedores.

Como a partida caiu muito tecnicamente no segundo tempo, o primeiro lance de apreensão para a torcida do Brasiliense aconteceu aos 17 minutos, quando o goleiro Guto sentiu uma contusão, e o técnico Reinaldo Guedini já havia feito as três substituições permitidas. No entanto, o arqueiro se recuperou e seguiu na partida.

Com o jogo caminhando para o fim, o Ceará se lançou ao ataque, buscando diminuir o placar, e Lúcio, acertando um belo chute de fora da área, aos 37 minutos, conseguiu o gol cearense. O Vovô prometia sufoco para o time do Brasiliense nos momentos finais da partida.

Para decepção da torcida nordestina, a reação do Ceará se limitou ao gol de Lúcio, pois o time de Fortaleza teve que partir para cima do Brasiliense, que aproveitou os contra-ataques, que surtiram efeito nos acréscimos da partida, com Jóbson, que fez de cabeça, aos 49.

Na próxima rodada, o Jacaré vai ao ABC paulista enfrentar o São Caetano, enquanto o time do Ceará recebe o Paraná no Castelão, em Fortaleza.

FICHA TÉCNICA
BRASILIENSE 3 x 1 CEARÁ  (Veja como foi o jogo lance a lance)

 

Local: Estádio Boca do Jacaré, em Taguatinga (DF) 
Data: 5 de setembro de 2008, sexta-feira
Horário: 20h30 (de Brasília)
Árbitro: Wagner dos santos Rosa (RJ)
Assistentes: Claudio José de Oliveira Soares (RJ) e Fabrício Vilarinho da Silva (GO)

Cartões amarelos: Michel, Fabrício, Mancuso e Chicão (Ceará). Edu Silva (Brasiliense)
Gols: BRASILIENSE: Marcinho, aos cinco minutos e Thiago Félix, aos 13 minutos do primeiro tempo e Jóbson, aos 49 minutos do segundo tempo. CEARÁ: Lúcio, aos 37 minutos do segundo tempo.

 

BRASILIENSE: Guto; Paulo Ricardo, Fábio Braz, Aílson e Edu Silva; Jardel, Juninho, Marcinho (Fabinho) e Iranildo (Adrianinho); Thiago Félix (Jóbson) e Leandro Neto.

Técnico: Reinaldo Gueldini

 

CEARÁ: Adílson; Deleu, Rones, Fabrício e Alex Braz; Michel (Mancuso), Cleisson, Chicão e Marcos Paraná (Lúcio); Ciel e Vavá (Charles Chad).

Técnico: Lula Pereira


Leia mais sobre: Brasiliense Ceará Brasileirão

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo