iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

05/09 - 15:10

Argentina x Paraguai: liderança das Eliminatórias em jogo

Partida vale a lideranças das eliminatórias; Paraguai não contará com artilheiro Cabãnas, carrasco dos brasileiros

Gazeta Esportiva

BUENOS AIRES (Argentina) - Argentina e Paraguai, os dois últimos rivais do time de Dunga no torneio, fazem neste sábado, às 16 horas (de Brasília), em Buenos Aires, um duelo direto pela liderança do qualificatório. Algoz do Brasil na quinta rodada, o Paraguai lidera a competição com 13 pontos, mas será ultrapassado pelos argentinos, que arrancaram um empate sem gols da seleção no Mineirão no último jogo, em caso de derrota no Monumental de Núñez.

Por isso, o discurso de respeito ao adversário foi a tônica dos dois lados antes do confronto decisivo.
“O Paraguai será um rival muito forte, duro. Nós temos que jogar tranqüilos, sem desespero, sem querer marcar logo nos primeiros cinco minutos, pois as partidas duram 90', aconselha o atacante Carlos Tevez, que retorna ao time argentino depois de ser desfalque nos dois últimos compromissos. 'Se não for possível vencer jogando bem, devemos pelo menos mostrar atitude. E ganhar de qualquer maneira', completa o ex-corintiano.

Tevez não será a única novidade da equipe argentina para tentar assumir a liderança das Eliminatórias. Um dos principais destaques da seleção olímpica, bicampeã em Pequim, o meia-atacante Di María ganha a sua primeira chance na equipe principal. O técnico Alfio Basile, porém, escalará o jogador mais recuado, ao lado de Riquelme no meio-campo, enquanto Lionel Messi e Tevez formam a dupla de ataque.

No Paraguai, também não faltaram elogios em relação ao adversário deste sábado. No entanto, os jogadores avisam os torcedores para não confundirem respeito com falta de ofensividade, mesmo fora de casa. “Tenho a impressão de que será uma partida linda de se ver. Muitos se surpreenderão ao ver a forma como atuaremos para a frente”, garante o experiente atacante Roque Santa Cruz.

Ao seu lado, Santa Cruz não terá Salvador Cabãnas, o carrasco dos brasileiros. Contundido, o artilheiro do América do México desfalca a equipe do técnico Gerardo Martino, que promete fazer de tudo para sair de Buenos Aires com a liderança do qualificatório garantida. “É uma grande oportunidade, e queremos aproveitá-la. A Argentina tem jogadores muito importantes, mas nós também temos os nossos”, avisa Santa Cruz.

FICHA TÉCNICA:
ARGENTINA X PARAGUAI

Local: Estádio Monumental de Núñez, em Buenos Aires (Argentina)
Data: 6 de setembro de 2008, sábado
Horário: 16 horas (de Brasília)
Árbitro: Carlos Eugênio Simon (Brasil)
Assistentes: Altemir Haussmann e Roberto Braatz (ambos do Brasil)

ARGENTINA: Abbondanzieri; Zanetti, Demichelis, Coloccini, Heinze; Mascherano, Cambiasso, Riquelme, Di María; Messi e Tevez
Técnico: Alfio Basile

PARAGUAI: Villar; Da Silva, Verón, Cáceres e Morel; Barreto, Vera, Santana e Riveros; Santa Cruz e Haedo
Técnico: Gerardo Martino


Leia mais sobre: Argentina Paraguai

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo