iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

04/09 - 09:30

Por pressão no líder, Verdão recebe Sport para ter taça nas mãos

Leandro e Evandro voltam ao time titular contra o Sport; Léo Lima e Jumar ganham chance no meio campo

Gazeta Esportiva


SÃO PAULO - Depois de mostrar força fora de casa ao bater o Atlético-PR, o Palmeiras classifica as 15 partidas restantes no Brasileiro como “decisões”. E tem um trunfo nesta 24ª rodada: joga dois dias antes que o Grêmio. A cinco pontos do líder, os segundos colocados tentam manter o status de melhor mandante na competição diante do Sport, às 20h30 desta quinta-feira no Palestra Itália. Mais do que os três pontos, uma vitória simboliza pressão no líder, que encara o Fluminense, sábado, no Maracanã.

Se o time de Celso Roth mantiver o péssimo retrospecto no Rio de Janeiro, onde aconteceram as três únicas derrotas da equipe no Nacional, os comandados de Wanderley Luxemburgo ficam a dois pontos e passarão a depender apenas de si para disputar o título, já que há um duelo direto com o Tricolor porto-alegrense em 9 de novembro, em São Paulo. E em casa, os alviverdes somam dez triunfos e um empate em 11 compromissos

“Nós precisamos ganhar do Sport para fazer pressão neles no Maracanã. Nosso confronto direto com eles vai ser uma final, e vamos estar em casa”, projetou Diego Souza, consolidado como uma das principais armas do Verdão com os dois gols marcados na Arena da Baixada. “Apesar da posição favorável, dá para reverter a vantagem do Grêmio. Ainda tem muita coisa para rolar. Precisamos é fazer a nossa parte”, complementou Jumar.

Com este pensamento, os atuais campeões paulistas tentam superar um adversário que já o complicou neste Brasileiro. No primeiro turno, os reservas do Sport venceram os titulares de Luxemburgo por 2 a 0 na Ilha do Retiro. Resultado visto como um dos principais responsáveis para o time não estar em melhores condições. A ordem, porém, é esquecer o que se passou no Recife.

“Perdemos pontos em jogos que poderíamos ter vencido. Além do Sport, teve Atlético Mineiro, Coritiba... Mas não adianta lamentar. Temos é que fazer uma grande partida para seguirmos bem na competição. E tenho certeza que o fator campo e o apoio da nossa torcida vai prevalecer de novo”, apostou Gustavo. “O Sport está muito bem neste ano, foi campeão pernambucano e da Copa do Brasil, mas vamos impor o nosso jogo porque uma vitória será mais um degrau para alcançar o Grêmio”, continuou.

Para dar prosseguimento à escalada, a equipe terá três mudanças, apenas uma por opção técnica: Leandro, que cumpriu gancho na vitória em Curitiba, volta na vaga de Jefferson. As outras novidades não estavam nos planos, mas deixam o meio-campo mais leve para superar a retranca pernambucana.

Sem poder contar com Martinez e Sandro Silva, suspensos, e Pierre, machucado, Luxa recuará Jumar para atuar como primeiro volante, escalando Léo Lima mais solto para dar mais dinâmica na saída de bola. Para aumentar a força ofensiva dentro de casa, Evandro retoma seu lugar na armação, auxiliando Diego Souza e ajudando Elder Granja nas descidas pela direita.

Para conter o volume de jogo palmeirense, o Sport terá um 3-5-2 com a missão de bloquear a entrada da área. A aposta do técnico Nelsinho Baptista é surpreender nos contra-ataques. Uma importante arma nesta estratégia, contudo, ficará de fora. Autor do gol da vitória sobre o Internacional, o lateral-esquerdo Dutra está suspenso e dá vaga a Márcio Goiano.

Além da ala, a outra mudança ocorrerá no ataque. Carlinhos Bala está de volta e espera pela definição de seu parceiro. Como Enilton está impedido de jogar por ainda estar vinculado ao Palmeiras, a dúvida de Nelsinho está entre Roger, ex-São Paulo e Palmeiras, e Wilson, ex-Corinthians, titulares do setor no domingo.

Seja quem for o escolhido, a missão é clara: levar pelo menos um ponto para o Nordeste e se manter firme na briga para ficar entre os cinco primeiros, objetivo traçado pela diretoria após o título da Copa do Brasil.

FICHA TÉCNICA
PALMEIRAS X SPORT

PALMEIRAS: Marcos; Elder Granja, Jéci, Gustavo e Leandro; Jumar, Léo Lima, Evandro e Diego Souza; Kléber e Alex Mineiro
Técnico: Wanderley Luxemburgo

SPORT: Magrão; Igor, César e Durval; Sidny, Andrade, Júnior Maranhão, Kássio e Márcio Goiano; Carlinhos Bala e Roger (Wilson)
Técnico: Nelsinho Baptista

Local: Palestra Itália, em São Paulo (SP)
Data: 4 de setembro de 2008, quinta-feira
Horário: 20h30 (de Brasília)
Árbitro: Francisco de Assis Almeida Filho (CE)
Assistentes: Arnaldo Rodrigues de Souza e Marcos Antonio da Silva Brigido (ambos do CE)

 

Confira as partidas de ontem da 24ª rodada :


Leia mais sobre: Palmeiras Campeonato Brasileiro

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Futura Press

Aposta de gol
Alex Mineiro tem a chance de encostar no artilheiro do campeonato, o santista Kléber Pereira

Topo