iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

03/09 - 09:44

Polícia polonesa detém 740 pessoas após briga em clássico de Varsóvia

O jogo entre o Legia e o Polônia Varsóvia terminou em batalha campal entre as duas torcidas e os policiais

EFE

VARSÓVIA (Polônia) - A Polícia da Polônia prendeu 740 torcedores violentos que queriam assistir ao clássico entre as duas principais equipes de futebol da capital do país, o Legia e o Polônia Varsóvia, que terminou em batalha campal entre as duas torcidas e os policiais.

Alguns dos detidos, entre os quais estão 63 menores, podem ser condenados a até dez anos de prisão acusados de desordem pública, destruição da via pública, agressão a autoridades e reunião ilegal.

O comando da Polícia de Varsóvia afirmou que os torcedores serão postos à disposição judicial nas próximas horas e deverão ser punidos de forma exemplar para evitar este tipo de incidentes, comuns na Polônia.

O clássico entre o Legia Varsóvia - time do brasileiro naturalizado polonês Roger Guerreiro - e o Polônia Varsóvia é considerado de risco máximo, por isto a Polícia preparou um destacamento extraordinário de oficiais.

Esta não é a primeira que os poloneses protagonizam incidentes violentos. No ano passado os torcedores do Legia destruíram completamente a escadaria do estádio de Vilnius, capital da Lituânia, durante um amistoso internacional.

A partida entre os dois rivais poloneses terminou empatada em 1 a 1.


Leia mais sobre:

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo