iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

02/09 - 14:10

Parreira admite não ser mais treinador e desmente boatos
O experiente técnico confessou que pode se aposentar do cargo e negou especulações sobre Palmeiras e seleção

Por Allan Brito, do iG Esporte

SÃO PAULO - Quando Carlos Alberto Parreira anunciou um projeto de longo prazo, junto com a Traffic, para formar jovens jogadores, a pergunta mais óbvia logo veio à tona: “Acabou a carreira de treinador do campeão do mundo em 1994?”. Ele não quis admitir a possibilidade com veemência, mas deixou pistas.

“É o meu primeiro passo para sair das quatro linhas. Não digo que deixei a carreira de técnico, mas estou próximo disso”, admitiu Parreira. O novo Diretor Técnico da Academia de Futebol de Traffic (leia mais) confessou que pretende ficar mais próximo da sua família e a carreira de técnico tem atrapalhado isto. Ele mesmo lembrou que saiu do comando da seleção da África do Sul recentemente por causa deste problema.

Porém, Parreira sabia que não podia se afastar do futebol: “Eu olhei para as prateleiras da minha casa, com objetos dos meus 40 anos de carreira e pensei que se eu largasse tudo, aquilo iria se perder”

O ex-técnico da seleção brasileira acredita que seu novo cargo é uma maneira de passar adiante tudo que aprendeu: “É uma modo de compartilhar essa herança que tenho na minha prateleira com os jovens. Tenho que dividir mesmo”, contou.

Outros possíveis destinos
Parreira ainda aproveitou a sua decisão para esclarecer boatos sobre seu futuro. Explicou, por exemplo, que uma troca de técnicos na seleção brasileira não deve fazê-lo mudar de planos.

Se Dunga saísse do comando do time, Vanderlei Luxemburgo, atualmente no Palmeiras, poderia assumir o cargo e o alviverde paulista seria seu destino, por causa da proximidade com a Traffic, parceira do clube. Mas ele nega: “Este projeto não tem nada a ver com o Palmeiras”.

Cargos na Confederação Brasileira de Futebol (CBF) também foram dispensados por Parreira: “As coisas na seleção brasileira sempre aconteceram naturalmente, eu não pretendia nada. Mas a CBF não tem um Diretor Técnico, não tem como me encaixar”.


Leia mais sobre: Parreira Traffic

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Allan Brito

parreira j hawilla

"Técnico de técnico"
Parreira (à direita) agora vai preparar treinadores de jovens da Academia da Traffic

Topo
Contador de notícias