iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

02/09 - 14:14

Botafogo trabalha a pontaria para melhorar no Brasileirão

Para contar uma boa pontaria Ney Franco terá o retorno do atacante Wellington Paulista, que voltou a treinar

Gazeta Esportiva

RIO DE JANEIRO - Passada a 23ª rodada do Campeonato Brasileiro, o Botafogo continua na zona de classificação para a Copa Libertadores. Mas se não fosse o empate por 1 a 1 nos dois últimos compromissos, quando o Glorioso conseguiu largar na frente e cedeu a igualdade a Vasco e Náutico o time estaria na vice-liderança, apenas cinco pontos atrás do líder Grêmio.

Nos dois confrontos, além de levar o gol de empate nos minutos finais, em jogadas de bola parada, a equipe botafoguense se caracterizou por desperdiçar várias oportunidades de gol. Justamente para que a pontaria não volte a atrapalhar o time na briga pelo título nacional que o fundamento começou a ser muito trabalhado no treino desta manhã de terça-feira, em General Severiano.

“Não podemos desperdiçar tantas oportunidades de gol. Contra o Náutico isso ficou ainda mais evidente do que diante do Vasco, quando chutamos menos a gol. Mas no conjunto da obra, nas duas partidas, poderíamos ter vencido se tivéssemos matado o jogo quando poderíamos”, afirmou o técnico Ney Franco. Pensamento parecido tem o meia Carlos Alberto, que marcou o gol do Botafogo contra o Náutico e que lamentou o fato de o time não ter conseguido os três pontos.

“Perdemos a oportunidade de matar o jogo e isso poderia ter custado a nossa permanência na zona de classificação para a Copa Libertadores. Mas graças a Deus os resultados ajudaram e continuamos na quarta posição, com chances de avançarmos ainda mais na tabela. Por isso precisamos aprimorar tudo, inclusive a pontaria”, disse Carlos Alberto.

Para contar uma boa pontaria Ney Franco terá o retorno do atacante Wellington Paulista, que voltou a treinar depois de se recuperar de um estiramento muscular na coxa esquerda. O jogador vai ser avaliado ao longos dos treinos da semana para definir sua escalação.

“Tenho treinado normalmente desde o início da semana e acredito que terei condições de atuar normalmente. Mas a última palavra é do Ney Franco e do departamento médico”, disse Wellington Paulista.

Outro que foi liberado pelo departamento médico é o volante Leandro Guerreiro, que estava com problemas musculares na perna direita, mas que retornou aos treinos nesta terça-feira. Com isso Ney Franco tem quase todos os jogadores a sua disposição, exceção do atacante argentino Leandro Zárate, que ficará recuperando a forma física, e do goleiro Castillo, que está servindo ao Uruguai nas Eliminatórias para a Copa do Mundo de 2010.

Renan será o seu substituto contra o Coxa. Se nada de anormal acontecer o time entrará em campo para enfrentar o Coritiba com: Renan, Thiaguinho, Renato Silva, André Luis e Triguinho; Túlio, Diguinho, Lucio Flavio e Carlos Alberto; Jorge Henrique e Wellington Paulista. Nesta quarta-feira o elenco botafoguense vai treinar à tarde, quando Ney Franco comandará o primeiro coletivo da semana.


Leia mais sobre:

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo