iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

01/09 - 13:27

Luxa elogia equilíbrio do time e minimiza fim de tabu
O técnico Wanderley Luxemburgo saiu de Curitiba insatisfeito apenas com a arbitragem. Em relação à atuação de seus comandados, o treinador do Palmeiras destacou o equilíbrio e a marcação como diferenciais na vitória por 2 a 1 sobre o Atlético-PR na Arena da Baixada, que manteve o time na cola do líder Grêmio.

Gazeta Esportiva

''Tivemos o controle do jogo durante os 90 minutos e demonstramos equilíbrio a maior parte do tempo. Uma coisa que eu sempre falo é que o Palmeiras tem uma qualidade acima da média, e quando a gente consegue ter uma atuação forte e precisa na marcação, a possibilidade de vencer é muito maior'', analisou o treinador.

''Nós sabíamos que uma vitória contra o Atlético-PR seria fundamental para nos manter na briga, caso contrário o Grêmio abriria uma vantagem muito grande. Estamos vivos e vamos ter que continuar fazendo nossa parte. Isso é o mais importante'', emendou, lembrando que o Grêmio também ganhou neste domingo e manteve a diferença de cinco pontos na ponta.

Além de melhorar a modesta campanha do Palmeiras como visitante e deixar a equipe logo atrás do líder do Brasileirão, a vitória sobre o Furacão também serviu para quebrar o longo tabu de nunca ter vencido o Atlético-PR na Arena da Baixada, inaugurada em 1999. Luxemburgo, porém, minimizou o fim da escrita negativa.

''Esse negócio de tabu é uma grande besteira, pois em algum momento vai ser quebrado. Eu sempre tive um histórico legal na Arena e, quando falaram que o Palmeiras jamais havia vencido aqui, falei que esse seria o momento. É bacana para a história do clube'', ressaltou o comandante alviverde.

Leia mais sobre:

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo