iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

01/09 - 20:13

Acerto de Robinho com o City foi só por dinheiro, diz Calderon

Para o presidente do clube merengue, o acerto só prova que “o jogador não mudou de time por razões esportivas”

Gazeta Esportiva


MADRI (Espanha) - Tantos tiros foram disparados entre o Real Madrid e o Chelsea quando o brasileiro Robinho anunciou que gostaria se juntar à equipe dirigida por Luiz Felipe Scolari, e no final da história nenhum dos dois times terminou com o jogador.

No último dia da janela para transferências internacionais, o atleta acabou fechando negócio com o Manchester City, por 40 milhões de euros (cerca de R$ 96,5 milhões).

Para o presidente do clube merengue, Ramon Calderon, o acerto com o time da Premier League só prova que “o jogador não mudou de time por razões esportivas”, sugerindo que o atleta foi para a equipe que lhe ofereceu mais dinheiro.

“Nós concordamos em vender o jogador, pois ele vinha se mostrando insatisfeito no time e não estava mostrando um bom futebol. Além disso, nos foi oferecida uma quantidade significativa de dinheiro”, explicou o dirigente madrileno.

Na manhã do último domingo, o jogador brasileiro convocou uma entrevista coletiva para tentar forçar sua saída do Real Madrid, clube que segundo ele, não o estava fazendo se sentir confortável. Confiante no início de um trabalho com Felipão nos Blues, Robinho ainda sentenciou: “Minha cabeça está no Chelsea”.

Após a entrevista, em que Robinho criticou os dirigentes merengues e o técnico alemão Bernd Schuster, a transferência do brasileiro para o time de Stamford Bridge era dada como certa. No entanto, em um movimento audacioso, o City cobriu a oferta e acabou ficando com o jogador.

“O fato de o jogador ter aceitado a proposta do Manchester City prova que ele não está se transferindo por razões esportivas”, criticou Calderon, para quem Robinho não estava em busca de um projeto melhor em um novo clube, mas só interessado em lucrar mais com o seu futebol.


Leia mais sobre:

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Reuters


Jogador realizou entrevista coletiva para anunciar que estava descontente no Real Madrid

Topo