iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

30/08 - 20:55

São Paulo e Santos travam duelo por metas distintas

Enquanto o tricolor paulista quer a força da torcida para crescer no Brasileirão, o Peixe foge do rebaixamento

Gazeta Esportiva

SÃO PAULO - O clássico entre São Paulo e Santos na tarde deste domingo confirmará a trajetória que cada rival pretende seguir neste Campeonato Brasileiro. A partir do momento em que a bola rolar no Morumbi, às 16 horas (de Brasília), o Tricolor correrá para manter na realidade sua esperança de buscar o título, enquanto o Peixe será obrigado a lutar pelos três pontos para respirar na parte de baixo da tabela.

O técnico Muricy Ramalho sabe que necessita do triunfo neste domingo para continuar na caça ao líder Grêmio. O Tricolor, inclusive, pretende iniciar uma nova arrancada com os “reforços” que contará a partir do clássico deste domingo. Dois jogadores fundamentais para o esquema de Muricy estão de volta à equipe do São Paulo: Miranda e Hernanes.

Recuperado de uma contusão no joelho esquerdo que o manteve longe dos gramados por mais de um mês, o zagueiro de Miranda volta à equipe para formar o setor defensivo com André Dias e Rodrigo.

“O Miranda é o melhor do país na posição. Infelizmente, ele teve uma contusão que o parou por um tempo, mas está recuperado da parte clínica e só falta pegar o ritmo de jogo, que só retoma jogando. Com certeza, é disparado o melhor do país na posição”, elogiou o técnico são-paulino. Com o status que ganhou do treinador, Miranda terá a missão de parar o artilheiro do Brasileirão: Kléber Pereira, autor de 15 gols.

“O Kléber é um grande jogador e está em excelente fase. Temos de pará-lo e não deixar a bola chegar para ele. Precisamos de cuidado e manter a atenção até quando ele estiver sem a bola. Temos de ficar em cima dele”, receitou o zagueiro.

Além de Miranda, outro “reforço” do Tricolor será Hernanes, que ficou mais de um mês longe do Tricolor, já que defendeu a seleção brasileira nas Olimpíadas de Pequim. O garoto voltará à equipe para assumir a vaga de Hugo, suspenso pelo terceiro cartão amarelo.

Um desfalque certo para o clássico é o atacante Dagoberto, que terá de cumprir suspensão imposta pelo STJD em conseqüência da expulsão contra o Grêmio. O atacante voltará a ficar à disposição de Muricy na rodada seguinte do Brasileirão. Sem o camisa 25, o treinador continuará com André Lima e Borges na dupla de frente.

Já o Santos encara a partida deste domingo como uma decisão. Na penúltima posição do Nacional, o Peixe necessita da vitória sobre o rival no estádio do Morumbi. O volante Roberto Brum está confiante em conseguir um triunfo no confronto e até lembra de seu retrospecto contra o time do Morumbi para animar a torcida alvinegra.

“Em 2004, quando eu estava no Coritiba, marquei um gol no Rogério como um presente de aniversário para minha esposa. Agora, revejo o Ceni novamente à véspera do aniversário da Roberta. É uma coincidência que só Deus pode explicar”, recordou.

A partida deste domingo, porém, poderá marcar a despedida do lateral-esquerdo Kleber, que deve ser negociado com o futebol do exterior. O atleta está recuperado de uma entorse no tornozelo esquerdo após tratamento intensivo de seis dias. Outro que tem condições de jogo é o meia Michael, que deixou o jogo com o Cruzeiro dolorido.

FICHA TÉCNICA
SÃO PAULO X SANTOS

Local: Estádio do Morumbi, em São Paulo (SP)
Data: 31 de agosto de 2008, domingo
Horário: 16 horas (de Brasília)
Árbitro: Carlos Eugênio Simon (Fifa-RS)
Assistentes: Altemir Hausmann (Fifa-RS) e Roberto Braatz (Fifa-PR)

SÃO PAULO: Rogério Ceni; André Dias, Miranda e Rodrigo; Joilson, Jean, Hernanes, Jorge Wagner e Richarlyson; André Lima e Borges
Técnico: Muricy Ramalho

SANTOS: Douglas; Wendel, Domingos, Fabiano Eller e Kleber; Rodrigo Souto, Roberto Brum, Bida e Michael; Cuevas e Kléber Pereira
Técnico: Márcio Fernandes


Leia mais sobre:

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo