iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

30/08 - 18:55

Mano celebra “melhor atuação” e elogia ataque centenário
"Essa foi, talvez, a melhor apresentação do nosso time em termos de movimentação", comentou o técnico

Gazeta Esportiva

SÃO PAULO - Normalmente sério e focado em suas entrevistas, o técnico Mano Menezes quebrou o protocolo neste sábado, após a vitória por 4 a 0 sobre o ABC-RN. Sorridente do início ao fim de sua coletiva, o treinador foi só elogios ao Alvinegro do Parque São Jorge.

“A equipe se completou muito hoje (sábado) e essa foi, talvez, a melhor apresentação do nosso time em termos de movimentação. A equipe compôs muito bem em campo e o ABC não criou uma única oportunidade de gol. Mostramos qualidade e competência”, discursou.

Competência, aliás, sobrou ao setor ofensivo do Corinthians, que chegou à marca dos 100 gols em 53 partidas disputadas em 2008 na goleada sobre a equipe potiguar. Ao comentar o fato, Mano Menezes abusou da ironia e cutucou aqueles que sempre o acusam de ser retranqueiro.

“Vou continuar com meu sistema bem fechado de jogar, bem retrancadinho. Retranquinha boa essa, né?”, sorriu. “Só se alcança essa marca com equilíbrio nos três setores. Para fazer 100 gols, a defesa tem que ser forte e o meio-campo também. Não pode tomar na mesma proporção”, emendou Mano, feliz com a zaga, vazada em apenas 42 oportunidades na temporada.

Outra marca importante alcançada pelo Corinthians neste sábado foi o fato de o time ter disputado sua 1.500ª partida no Pacaembu, estádio que é considerado pela Fiel como a verdadeira “casa” do Alvinegro. Ciente do amor da torcida pelo estádio, Mano fez uma promessa.

“O torcedor do Corinthians gosta muito mais do Pacaembu. É importante a equipe continuar fazendo com que ele goste cada vez mais. Foi importante na vitória e traumático na derrota, então temos que trabalhar para o torcedor ser sempre feliz”, concluiu.


Leia mais sobre:

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo