iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

30/08 - 20:15

Goiás consegue reabilitação com vitória sobre o Figueirense

Enquanto o time esmeraldino se recuperou, o clube catarinense passar a ver o rebaixamento mais próximo

Gazeta Esportiva

GOIÂNIA - O Goiás conseguiu sua reabilitação neste sábado ao fazer o dever de casa e vencer o Figueirense por 2 a 0 no Estádio Serra Dourada, pelo Campeonato Brasileiro. O resultado recupera o time depois da derrota para o Ipatinga, enquanto complica a situação do Figueirense, que passa a rondar a zona de rebaixamento da competição.

Em um jogo de poucas chances e muita marcação, o Goiás contou com a sorte de Iarley, que interceptou chute errado dentro da área para finalizar na saída do goleiro Wilson e com a categoria de Romerito, que recebeu livre e driblou o goleiro rival, para garantir o resultado.

A partida ainda contou com dois jogadores expulsos, ambos por duras faltas cometidas no intuito de parar o contra-ataque: o atacante Adriano Gabiru, pelo Goiás e o lateral Diego, pelo Figueirense.

O jogo 
Em um primeiro tempo de chances escassas, Goiás e Figueirense primaram pela marcação no meio-de-campo e pouco criaram no ataque. Apesar de o anfitrião ter a posse de bola pela maior parte do tempo, a primeira boa chance surgiu em um contra-ataque do Figueirense, quando Leandro Carvalho invadiu a área e tocou para Rafael Coelho, que acabou mandando por cima.

Mais tarde, com um intervalo no qual os times barraram em seus próprios erros na tentativa de ataque, Ernando fez cruzamento, Romerito desviou de cabeça e Thiago Feltri encheu o pé, mas a bola passou por cima do gol de Wilson. O primeiro gol da partida só foi surgir nos minutos finais da primeira etapa.

Aos 45 minutos, Ernando se aventurou no ataque e bateu de fora da área, mas a bola saiu fraca e acabou encontrando Iarley no caminho. O camisa 9 do Esmeraldino dominou e tocou na saída de Wilson para abrir o placar para os donos da casa.

De volta após o intervalo, o Figueirense partiu para cima em busca do empate e quase atingiu seu objetivo logo aos quatro minutos, quando Diego recebeu pela direita, invadiu a área e tocou para o meio onde, Cleiton Xavier, livre, só alcançou o passe com carrinho, chutando por cima do gol já livre do goleiro Harlei.

Aos 12 minutos o atacante Adriano Gabiru, que finalmente comemorava chance entre os titulares de Hélio dos Anjos, fez falta dura parando contra-ataque do Figueirense e acabou expulso, depois de receber o cartão amarelo. Com um homem a mais, os comandados de PC Gusmão se atiraram à frente abriram espaço atrás, por onde surgiria o segundo gol do Goiás.

E o novo tento aconteceu aos 30 minutos, quando, com quatro jogadores, o Esmeraldino trocou passes dentro da área até Iarley, que viu Romerito livre e passou. O veterano ainda driblou Wilson antes de tocar para o fundo das redes, decretando o resultado no Estádio Serra Dourada.

Nervoso, o Figueirense ainda ficou sem o lateral Diego, que logo após o segundo gol, fez falta dura em Vítor e acabou expulso, em princípio de confusão no gramado. Já sem Romerito, substituído por Fábio Bahia, com dores musculares, bastou ao alviverde goiano administrar o resultado.

Assim, o anfitrião se reabilita na Série A antes de encarar outro desafio dentro de casa: o time pega o Atlético-PR no Estádio Serra Dourada, na quarta-feira, às 19h30 (de Brasília). No mesmo dia, o Figueirense tentará barrar a seqüência negativa contra o Flamengo, em Florianópolis, às 22 horas (de Brasília).

FICHA TÉCNICA (Veja como foi o jogo lance a lance)
GOIÁS 2 X 0 FIGUEIRENSE

Local: Estádio Serra Dourada, em Goiânia
Data: 30 de agosto de 2008 (sábado)
Horário: 18h20 (Brasília)
Árbitro: Gutemberg de Paula Fonseca-RJ
Assistentes: Marco Aurélio dos Santos Peçanha-RJ e Ricardo Maurício Ferreira de Almeida-RJ

Cartões Amerelos: Vítor e Adriano Gabiru (Goiás); Cleiton Xavier, Bruno Aguiar e Asprilla (Figueirense)
Cartões Vermelhos: Adriano Gabiru (Goiás); Diego (Figueirense)

Gols: GOIÁS: Iarley, aos 45 minutos do primeiro tempo e Romerito, aos 30 minutos do segundo tempo

GOIÁS : Harlei; Vítor, Ernando, Henrique, João Paulo (Rafael Marques); Thiago Feltri, Fahel, Ramalho e Adriano Gabiru; Iarley (Fredson) e Romerito (Fabio Bahia).
Técnico: Hélio dos Anjos

FIGUEIRENSE: Wilson; Anderson Luís, Bruno Aguiar, Asprilla (Edu Salles) e Diego; Leandro Carvalho, Magal (Ramon), Rafael Gomes e Cleiton Xavier; Rafael Coelho (Tadeu) e Wellington Amorim.
Técnico: Paulo César Gusmão


Leia mais sobre:

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Futura Press

Sobe e se recupera
Com a vitória em casa, Goiás comprovou a reação depois de derrota diante do Ipatinga

Topo