iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

28/08 - 14:58

Jogadores e comissão técnica saem em defesa de Gil

O técnico Ney Franco defendeu o atacante publicamente, assim como outros jogadores do Botafogo

Gazeta Esportiva

RIO DE JANEIRO - O atacante Gil, ex-jogador do Internacional , não vem contando com a simpatia dos torcedores. As hostilidades ao atleta poderão aumentar ainda mais depois dele ter desperdiçado um pênalti contra o Atlético-MG, quando cobrou muito mal e fez a bola passar sobre o gol.

Aliás, o fato de Gil ter cobrado a penalidade, mesmo com Lucio Flavio, o batedor oficial estando em campo, surpreendeu a muitos, mas foi explicado pelo próprio Lucio Flavio, que saiu em defesa do jogador.

“O Gil pediu para bater o pênalti porque só conseguiu fazer um gol até aqui com a camisa do Botafogo. Como a situação já estava definida e a gente estava com a vaga assegurada não vi maiores problemas. Consultei o Ney Franco e ele autorizou. Infelizmente não deu certo”, explicou o jogador.

O técnico Ney Franco também defendeu o atacante publicamente, assim como outros jogadores do Botafogo.

“O Gil tem que levantar a cabeça e continuar trabalhando, pois só quem está dentro de campo pode perder pênaltis. Isso faz parte da nossa carreira”, defendeu o lateral-esquerdo Triguinho.

O próximo confronto do Botafogo é neste sábado, às 18h20, no Engenhão, pela 23ª rodada do Campeonato Brasileiro.


Leia mais sobre:

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo