iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

22/08 - 16:59

Hélio dos Anjos reclama: “poderíamos ter definido o jogo“

“Se tivéssemos dado o tiro de misericórdia no Atlético, que não vive um momento bom, definiríamos o jogo", disse

Gazeta Esportiva

GOIÂNIA - Para o técnico Hélio dos Anjos, os vacilos do Goiás durante o primeiro tempo do empate em 1 a 1 contra o Atlético-MG foram preponderantes para que o time não conseguisse mais uma vitória no Brasileirão. Segundo o treinador, os jogadores perderam a chance de matar o jogo na primeira etapa.

“Se tivéssemos dado o tiro de misericórdia no Atlético, que não vive um momento bom, definiríamos o jogo. Mas o time deles não é o bobo e marcou bem, acabando com os espaços que estávamos tendo naquele setor”, explicou o treinador, que ainda revelou ter pensado na possibilidade de deixar o time mais ofensivo.

“Eu estava pensando em colocar mais um atacante, mas com saída do Fernando e depois do Fael isso ficou difícil”, disse o comandante, que teve de substituir dois de seus volantes durante a partida.

O empate em 1 a 1 com o Galo derrubou o Goiás uma posição na tabela: o time agora é o 12° colocado, com 27 pontos. Já o Atlético-MG vem logo abaixo, na 14ª posição.


Leia mais sobre:

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo