iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

20/08 - 15:28

Presidente do Galo recebe carta com ameaça de torcedores
“Torcida Atleticana” assinou uma folha com exigências e pedidos direcionados a Ziza Valadares

Gazeta Esportiva

BELO HORIZONTE - O Atlético-MG divulgou no início da tarde desta quarta-feira uma nota oficial do presidente Luiz Otávio Ziza Valadares denunciando ameaças contra o dirigente e seus familiares. Segundo o documento, a carta anônima foi atirada na garagem da residência do cartola.

Transcrita na nota, a carta exige a renúncia de Ziza, além do desligamento dos diretores Hissa Elias Moisés e Alexandre Faria. Com a assinatura de “Torcida Atleticana”, o pedido dá ao presidente o prazo de até sexta-feira para deixar o clube. Os autores afirmam ainda ter estudado os hábitos da esposa e dos filhos do mandatário, e os ameaçam de agressão física caso não sejam cumpridas as exigências.

Esta não é a primeira vez que Ziza Valadares recebe recados deste tipo. O Ministério Público de Minas Gerais já investiga as ameaças sofridas pelo dirigente, mas ainda não chegou a nenhuma conclusão sobre a autoria das chantagens.

Há mais de um ano, o presidente vem enfrentando a oposição da Galoucura, maior torcida organizada do clube, por divergências quanto à cessão de ingressos. Nos últimos meses, contudo, o movimento tem se acentuado e se espalhado entre os demais torcedores, devido à má fase do time dentro de campo no ano do centenário.

Nas partidas contra Coritiba, Vitória e Sport, houve protestos do lado de fora do Mineirão e públicos bem inferiores à média dentro do estádio. Para o jogo contra o Grêmio, no último dia 9, foi dada uma trégua à diretoria, mas como o time só perdeu desde então, é bem possível que voltem a ocorrer pedidos pela renúncia de Ziza, antes mesmo de a bola rolar contra o Goiás, nesta quinta.


Leia mais sobre: Ziza Valadares

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo