iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

20/08 - 10:23

Inter tenta aproveitar fragilidade palmeirense como visitante
Colorado busca recuperação exatamente contra time que tem baixo aproveitamento fora de casa

Gazeta Esportiva

PORTO ALEGRE - Melhor mandante do Brasileiro com mais de 93% de aproveitamento dos pontos disputados, o Palmeiras acredita que só não está na liderança pelo baixo rendimento como visitante. E a chance de melhorar os 30% de pontos somados longe do Palestra Itália está no Beira-Rio. Nesta quarta-feira, às 22h, os terceiros colocados visitam um Internacional pressionado pela torcida por não vencer há quatro jogos.

Aproveitar-se da má fase gaúcha é a ordem nos comandados de Wanderley Luxemburgo. O time acredita que pode tirar benefícios da pressão da torcida colorada para vencer pela terceira vez fora de casa na competição e não deixar o Grêmio aumentar distância.

“Esse jogo fora de casa é muito difícil. A gente pega o Internacional querendo algo mais no campeonato com o segundo turno apenas começando, as equipes querendo chegar. E nós não podemos pensar mais em perder pontos, estamos a sete pontos do líder”, analisou Diego Souza.

Para finalmente começar uma seqüência de triunfos em território adversário, o Verdão viveu na semana a discussão sobre a melhor maneira de atuar como “hóspede”. Enquanto ouviu pedidos no elenco por um time mais defensivo, o técnico usou sua carreira para provar que é possível vencer na casa inimiga jogando no ataque. E teve a ordem acatada. “Dá para fazer as duas coisas: marcar bem, segurar um pouco nos primeiros minutos e aproveitar o fato de eles estarem pressionados e sair para atacar”, contemporizou Evandro.

Na tentativa de manter sua equipe voltada ao ataque, o comandante tem que solucionar sua única dúvida na escalação. Sem contar com os laterais Elder Granja, contundido, e Fabinho Capixaba, suspenso, Luxa terá de improvisar. As alternativas são o volante Sandro Silva, com Martinez ganhando vaga no meio-campo, ou a escalação do zagueiro Gustavo, deixando a ala como missão para o meia Evandro.

Seja quais forem os escolhidos, os campeões paulistas projetam começar bem fora de casa já na primeira visita no segundo turno. “O nosso momento é bom, mas temos que mudar nossa postura fora de casa. E o Inter é um adversário bom para dar uma arrancada boa e atingir nosso objetivo maior, que é o título”, comentou Gladstone. “Se a gente conseguir uma vitória fora de casa, quem sabe mudamos nossa história no segundo turno? Se errarmos menos que o Inter, podemos vencer”, completou Evandro.

Se no Palmeiras a missão é somar três pontos para se manter bem na briga pelo título, o Internacional entra em campo com a obrigação de vencer para acalmar a crise. Recebidos com pipocas atiradas pela torcida após a goleada por 4 a 0 para o Vasco, no domingo, os jogadores sabem que chegar ao quinto jogo sem triunfar aumenta a pressão.

Para evitar um ambiente ainda mais complicado, e também se manter no emprego, Tite fará mudanças no time. O treinador não poderá escalar Edinho, volante suspenso que deve ser substituído por Magrão, mas tem a volta de Alex e deve sacar Daniel Carvalho. Mas o esquema de sua equipe é um mistério. O Colorado pode jogar tanto no 3-5-2, com Marcão e Danny Morais na disputa por uma vaga na zaga, ou no 4-4-2, com o meia Taison ganhando chance.

De qualquer maneira, a tarefa é pôr fim ao jejum de vitórias e voltar a se aproximar da zona de classificação para a Libertadores. “Preocupa onde estamos e não conseguimos sair. Mas pensar no futuro não adianta. Temos que ir passo por passo e temos um jogo mais do que importante contra o Palmeiras”, definiu Guiñazu.

FICHA TÉCNICA
INTERNACIONAL X PALMEIRAS

Local: Beira-Rio, em Porto Alegre (RS)
Data: 20 de agosto de 2008 (quarta-feira)
Horário: 22h (de Brasília)
Árbitro: Jailson Macedo Freitas (BA)
Assistentes: Alessandro Alvaro Rocha de Matos (Fifa-BA) e Adson Marcio Lopes Leal (BA)

INTERNACIONAL: Clemer; Índio, Bolívar e Marcão (Danny ou Taison); Wellington Monteiro, Magrão, Guiñazu, D'Alessandro e Gustavo Nery; Alex e Nilmar
Técnico: Tite

PALMEIRAS: Marcos; Sandro Silva, Jéci, Gladstone e Leandro; Martinez (Gustavo), Jumar, Evandro e Diego Souza; Kléber e Alex Mineiro
Técnico: Wanderley Luxemburgo


Leia mais sobre: Brasileirão

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Vipcomm/Divulgação

Mais um reforço
Alex está recuperado e voltará ao Inter no Beira-Rio, contra o Palmeiras

Topo