iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

20/08 - 21:30

Coritiba bate o Figueirense e volta a buscar o G-4

Com o resultado, o time alviverde voltou à luta por um lugar no G4 e ainda deixou o Figueira quatro pontos atrás

Gazeta Esportiva

CURITIBA - O Coritiba mostrou mais uma vez força dentro do Estádio Couto Pereira e bateu o Figueirense por 3 a 0, mostrando um grande futebol, mesmo com desfalques. Com o resultado, o time alviverde voltou à luta por um lugar no G4, com 35 pontos ganhos, e ainda deixou o Figueira quatro pontos atrás.

Com apenas uma derrota em casa na competição, o Coxa começou a partida pressionando para tentar aumentar a vantagem. Aos dois minutos, depois de boa triangulação, a bola sobrou para Marlos, que bateu à direita a meta. Aos quatro minutos, depois de cobrança de escanteio, Maurício apareceu na área para tocar de cabeça para o fundo das redes e abrir o placar. Aos 10 minutos, João Henrique bateu cruzado e Wilson saiu do gol e impediu o gol de Keirrison.

A pressão era total do Coritiba, que fazia os catarinenses ficarem ainda mais recuados. Aos 15 minutos, João Henrique fez jogada individual, abriu espaço, mas foi travado na hora do chute. Aos 20 minutos, Keirrison e João Henrique tentam tabela, mas Bruno Aguiar apareceu para afastar. Na resposta, aos 23 minutos, Magal foi lançado e Vanderlei saiu do gol para ficar com a bola.

O Figueira conseguiu melhorar na partida e parar a pressão coxa-branca, mas não tinha força no setor ofensivo. Aos 30 minutos, Marlos arriscou o chute de fora da área, mas alto demais, sem direção. Aos 33 minutos, João Henrique passou pela zaga, entrou na área e dividiu com Wilson, que ficou com a bola. Aos 40 minutos, Guaru encontrou Keirrison na área, que deu um toque de leve, mas pela linha de fundo.

No segundo tempo, os dois times voltaram modificados. O Coxa por conta da lesão de Maurício. Já o Figueirense para tentar empatar o jogo e melhorar tecnicamente. Aos três minutos, em rápido contra-ataque, João Henrique recebeu de Marlos, mas foi travado antes de entrar na área. Aos nove minutos, boa jogada de Marlos, mas Keirrison não entendeu o lance.

O Coxa continuava dominando a posse de bola, mas tinha mais preocupações defensivas do que na primeira etapa. Aos 18 minutos, depois de falha da defesa catarinense a bola sobrou para Keirrison, que chutou duas vezes para marcar o segundo dos paranaenses no jogo e seu 11º na competição. Aos 28 minutos, Marlos lançou João Henrique, que tirou a zaga e mandou par ao fundo do gol.

Com o resultado garantido, o time da casa passou a tocar mais a bola, administrando o ótimo resultado. O técnico Dorival Junior aproveitou para colocar em campo o argentino Ariel Nahuelpan. Aos 37 minutos, o atacante tentou sua primeira penetração na área, mas foi travado. Aos 46 minutos, novamente Nahuelpan tentou entrar na área, mas não teve sucesso.

Na próxima rodada, o Coritiba tem um conforto direto diante do São Paulo, domingo, novamente no Couto Pereira, na capital paranaense. Já o Figueirense tentará a reabilitação em casa, já que recebe o Vitória, sábado, no Estádio Orlando Scarpelli, em Florianópolis.

FICHA TÉCNICA (veja como foi lance a lance)
CORITIBA 3 x 0 FIGUEIRENSE

Local: Estádio Major Antônio Couto Pereira, em Curitiba (PR)
Data: 20 de agosto de 2008, quarta-feira
Horário: 19h30 (de Brasília)
Árbitro: Salvio Spinola Fagundes Filho (Fifa-SP)
Assistentes: Nilson de Souza Monção e Anderson Jose de Moraes Coelho (ambos de SP)
Cartões amarelos: João Henrique, Ariel Nahuelpan (Coritiba); Magal, William Matheus, Leandro Carvalho (Figueirense)
Cartão vermelho: Lucas (Coritiba)

Gols: CORITIBA: Maurício, aos 04 minutos do primeiro tempo, Keirrison, aos 18 minutos e João Henrique, aos 28 minutos do segundo tempo

CORITIBA: Vanderlei; Rodrigo Mancha, Thiago Bernardi e Maurício (Lucas); Rodrigo Heffner, Alê, João Henrique, Guaru e Ricardinho (Rubens Cardoso); Marlos (Ariel Nahuelpan) e Keirrison.
Técnico: Dorival Junior

FIGUEIRENSE: Wilson; Leo Matos, Asprilla, Bruno Aguiar e William Matheus (Bruno Peroni); Diogo, Magal, Leandro Carvalho (Rodrigo Fabri) e Cleiton Xavier; Rafael Coelho (Wellington Amorim) e Ricardinho
Técnico: PC Gusmão


Leia mais sobre: Coritiba Figueirense

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Gazeta Press

Forte em casa
Jogadores do Coxa comemoram gol contra o Figueira, mostrando bom momento do time

Topo