iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

19/08 - 17:32

Palmeiras vai ao STJD para fugir de punição no “caso do gás”
A decisão será tomada pelo Pleno, o que impede que o clube recorra do veredicto se a punição for mantida

Gazeta Esportiva

SÃO PAULO - O caso do gás de pimenta lançado no vestiário são-paulino na semifinal do Campeonato Paulista no Palestra Itália terá mais um desdobramento, desta vez no STJD. Insatisfeito por ter sido punido pelo TJD-SP com a perda de um mando de campo no Estadual de 2009 e a multa de R$ 10 mil, o Palmeiras protocolou recurso para se livrar da pena.

O Verdão ouviu o veredicto há um mês no tribunal estadual e já prometia recorrer usando como prova o laudo da perícia que alegava ser impossível precisar a existência da substância tóxica no local. O clube também conta com um estudo que mostra a dificuldade para se entrar com um recipiente de gás de pimenta no estádio.

O argumento do TJD-SP é de que o clube mandante deve arcar com a segurança de sua arena, mas o departamento jurídico alviverde assegura que todo o aparato policial estava pronto para intervir em casos como o ocorrido. Por isso, só aceitam a absolvição no episódio.

Como o processo ainda está a caminho do STJD, o julgamento deve ser marcado somente em setembro. A decisão será tomada pelo Pleno, o que impede que o clube recorra do veredicto se a punição for mantida.


Leia mais sobre:

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo