iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

18/08 - 18:37

Para Kléber, Palmeiras já tinha provado força sem Valdivia

"Nosso elenco é muito forte e o jogador que entrar vai dar conta", disse

Gazeta Esportiva

SÃO PAULO - Valdívia já parece esquecido dentro do Palmeiras. O ídolo foi vendido ao Al Ain no sábado e no dia seguinte o time já venceu o Coritiba por 1 a 0. Resultado que mostrou a muitos que o clube pode viver sem o chileno. O elenco, no entanto, garante que essa convicção existe há um bom tempo.

Um dos principais nomes da partida desse domingo, Kléber lembra que triunfar sem ter o Mago em campo não é uma novidade – neste Brasileiro, a equipe chegou ao terceiro lugar mesmo com o camisa 10 em atuações apagadas durante quase toda a sua participação no torneio.

“A qualidade do Valdívia não tem como negar, é um jogador que se tornou ídolo aqui. Mas já joguei sem ele no Palmeiras e na maioria o time venceu também. Nosso elenco é muito forte e o jogador que entrar vai dar conta. Lógico que o Valdívia faz falta porque tem muita qualidade, mas temos que pensar em quem está aqui”, comentou o atacante.

Confiante após bater os campeões paranaenses, o camisa 30 afirma que, além da não perder a competitividade, a ausência do craque do Paulistão 2008 não resultará nem mesmo em uma mudança no estilo de jogo dos comandados de Vanderlei Luxemburgo.

“Nesse último jogo fomos muito bem jogando com velocidade e técnica. Os lances e as jogadas saíram de dribles. O time está rápido e técnico como sempre foi e espero que continue assim”, analisou o jogador, acreditando que o time só não convenceu mais por culpa do goleiro curitibano Vanderlei.

“Jogamos muito bem apesar da vitória ter sido por 1 a 0. O resultado não mostrou o que foi o jogo. Tivemos um volume muito grande e muitas oportunidades, mas o goleiro deles foi muito bem”, enalteceu.

Se o arqueiro adversário atrapalhou, na opinião de Kléber, quem ajudou a fazer a torcida não cobrar a diretoria pela saída de Valdívia para os Emirados Árabes Unidos foram Evandro e Diego Souza, ambos responsáveis pela criação de jogadas.

“O Valdívia tem outra característica e muita qualidade, mas o Evandro e o Diego Souza fizeram uma boa partida”, elogiou, satisfeito especialmente com Evandro, contratado especificamente para a vaga do Mago. “Ele é muito importante, um jogador inteligente, dificilmente erra um passe. Espero que ele cresça junto com a equipe para vencer mais e subirmos na tabela”, concluiu.

Leia mais sobre:

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo