iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

18/08 - 18:47

Afastado do Sport, Diogo pode ser comprado por investidor
"O afastamento não é em virtude da negociação. Se ela não for concretizada, o jogador continua afastado do elenco", disse o vice-presidente do Sport

Gazeta Esportiva

RECIFE - Afastado pela diretoria do Sport junto com Luisinho Neto e Everton nesse domingo, o lateral-direito Diogo tem seu futuro indefinido. No entanto, de acordo com o empresário do jogador, Cadmo de Barros, o atleta tem uma proposta de um investidor paulista.

“Nós temos a possibilidade de um investidor daqui (Brasil) adquirir os direitos financeiros dele. Ele (o investidor) é de São Paulo. Mas ainda não tem nada certo, nada definido”, declarou o empresário.

No entanto, o vice-presidente do Sport, Guilherme Beltrão, afirma que há uma proposta do futebol europeu e que, se o negócio não der certo, Diogo não será reintegrado ao elenco.

“Diogo foi disponibilizado para venda. É um time de fora, da Europa. O empresário dele é quem está comandando as negociações. O afastamento não é em virtude da negociação. Se ela não for concretizada, o jogador continua afastado do elenco. Não será reintegrado”, declarou o dirigente.

O lateral se destacou com a camisa do Sport no primeiro semestre deste ano. Com as boas atuações, Diogo foi sondado por clubes como Santos e Palmeiras. Como iria fazer seu sétimo jogo pelo Leão na época e não poderia ser negociado, o jogador não apareceu para a partida que o impediria de ser vendido para um clube brasileiro.

Com isso, sua relação com a diretoria a o técnico Nelsinho Baptista se desgastou e o atleta perdeu espaço no elenco pernambucano. Para Beltrão, o afastamento do jogador agora é motivado por este caso de alguns meses atrás.

“Só tem a ver (com o desgaste com a comissão técnica). Ele teve oportunidade de jogar, mas não estava motivado. O Nelsinho também deu o aval para o afastamento”, afirmou o dirigente


Leia mais sobre:

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo