iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

17/08 - 17:25

Mesmo decepcionado, Jonas elogia elenco e prevê reação
“Faltou mais tranqüilidade e inteligência para a Portuguesa, mas agora temos que levantar a cabeça", disse o jogador

Gazeta Esportiva

SÃO PAULO - O atacante Jonas não conseguiu esconder a decepção após a derrota para o Figueirense no sábado, pelo Campeonato Brasileiro. Com o novo tropeço da equipe fora de casa, o elenco pode terminar a primeira rodada do returno na zona de rebaixamento, caso Náutico e Vasco vençam neste domingo.

“Faltou mais tranqüilidade e inteligência para a Portuguesa, mas agora temos que levantar a cabeça. Temos um confronto direto com o Vasco e vamos trabalhar para que não briguemos contra as últimas colocações”, disse o jogador, responsável pelo cruzamento que originou o gol de Washigton.

Jonas não conseguiu repetir com Fellype Gabriel a dupla de ataque que infernizou a defesa cruzeirense e, junto com o fraco desempenho de Edno e a ausência de Preto, lesionado, acabaram bem marcados pelos donos da casa. Apesar disso, o camisa 9 negou a ausência de uma referência no ataque rubro-verde.

“Não penso desse jeito. Hoje o Washington entrou bem, temos grandes jogadores como o Fellype, o Vaguinho. São jogadores de velocidade e de área também. O que faltou foi encaixar o bom futebol. Fora de casa estamos devendo, mas hoje jogamos bem, então temos que pensar no próximo jogo”, afirmou.

A derrota frustrou os objetivos da equipe, que sonhava em iniciar o turno final do Brasileirão somando pontos e ascendendo na tabela. Mesmo assim, Jonas ainda prevê melhores resultados: “a Portuguesa não entrou no campeonato para brigar contra o rebaixamento, mas sim por vaga na Sul-Americana. Agora é seguir trabalhando para buscar os 10 primeiros da tabeça”, completou.


Leia mais sobre:

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo