iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

17/08 - 18:35

Kléber Pereira, mais uma vez, sai de campo atirando contra todos

O artilheiro do campeonato criticou a postura da equipe quando estava na frente no placar

Gazeta Esportiva

SANTOS - Se dentro de campo Kléber Pereira vem cumprindo seu papel de artilheiro e marcando os gols que a equipe necessita, fora dele, o jogador mostra que está com a língua tão calibrada quanto seus pés.

Repetindo o que fizera nas derrotas para Atlético-MG e Coritiba, ambas na Vila Belmiro, o goleador do Campeonato Brasileiro, com 13 gols, não perdoou ao ver mais uma vitória certa escapar pelos próprios erros da equipe.

“Vamos explicar como isso? Quando a gente está na frente na porra do jogo, começam com toquinho. Estão com brincadeira. Se continuar assim, vamos pra casa do caramba”, desabafou. “Depois ficam reclamando que estamos na zona do rebaixamento”, completou o camisa nove.

Tão ou mais incisivo do que o companheiro nas palavras e com o mesmo tom crítico, o lateral-esquerdo Kléber, que neste domingo atuou no meio-campo, também demonstrou sua insatisfação para com o comportamento da equipe.

“Faltou competência para ganhar. Quando eles perderam um jogador, não soubemos manter a posse de bola”, detonou o camisa 11, citando a superioridade numérica do Peixe sobre o adversário durante boa parte da etapa final.

O volante Roberto Brum, que teve sua primeira chance efetiva como titular desde que foi contratado, colocou seu lado contemporizador em prol da paz dentro do elenco alvinegro.

“Quando a pessoa é explosiva e quer ganhar, não aceita certas coisas e uma palavra mal colocada acaba saindo, mas eu creio que a intenção do Kléber (Pereira) foi fazer uma crítica construtiva. Temos que focar nas coisas positivas, pois a cobrança interna já é muito grande”.


Leia mais sobre:

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo
Contador de notícias