iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

16/08 - 16:44

Tite vê pressão com naturalidade e nega desespero no Inter

Desde a vitória sobre o São Paulo, Colorado coleciona tropeços contra Ipatinga, Santos e Cruzeiro

Gazeta Esportiva

PORTO ALEGRE - Desde a 14ª rodada do Brasileirão, quando o Internacional bateu o São Paulo por 2 a 0, a torcida colorada aguarda a anunciada reação da equipe rumo a disputa pelo título. Cinco jogos depois, o time está ainda pior na classificação: caiu do sétimo para o 10º lugar. Mesmo assim, o técnico Tite mantém a confiança e afirma: ainda não há motivo para desespero.

“Não estamos desesperados. Desespero é quando não se tem rumo, o que não é o nosso caso. A necessidade de resultado é imperiosa, claro. Estamos apressando o processo de entrosamento da equipe. Queremos no aproximar do G-4 o mais breve possível”, afirmou o treinador, ao jornal Zero Hora.

Desde a vitória sobre o atual campeão brasileiro, o Colorado coleciona tropeços na competição: perdeu para Ipatinga e Santos, que ainda lutam para escapar da zona de rebaixamento. Derrota para o Cruzeiro e empate com o Figueirense acabaram por derrubar ainda mais o time.

“É normal que o torcedor vaie quando o time não obtém os resultados. Mas antes do jogo contra o Santos, olhei para lá (local onde fica a arquibancada popular no Beira-Rio) e ouvi o pessoal gritando meu nome. Me senti gratificado. Vamos retomar a boa campanha, estou certo disso”, afirmou o comandante.

Tite tem a oportunidade para provar que está certo neste domingo contra outro time que briga para deixar a zona da degola. O confronto acontece às 16 horas (de Brasília), em São Januário (RJ).

Leia mais sobre: Tite Internacional

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo