iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

15/08 - 21:58

Dinamite comemora reforços, mas não esconde decepção com Morais
'O Morais merece o nosso respeito pela trajetória que teve no Vasco, mas o respeito tem que ser mútuo", disse

Gazeta Esportiva

RIO DE JANEIRO - O Vasco virou o primeiro turno do Campeonato Brasileiro na zona de rebaixamento, mas o presidente Roberto Dinamite tenta manter a confiança. Com a chegada de quatro reforços (os zagueiros Fernando e André, o volante Serginho e o atacante Alan), o dirigente acredita que o técnico Tita contará com mais opções para escalar a equipe na segunda metade da competição.

'São jogadores que vieram para contribuir com o Vasco e defender com força, vontade e equilíbrio a camisa do clube. É disso que precisamos neste momento. Tenho certeza de que juntos, vamos colocar o Vasco onde ele precisa e onde desejamos', afirmou o presidente cruzmaltino.

Mas se por um lado, Roberto Dinamite se mostra feliz com a contratação de reforços, por outro o dirigente não escondeu a decepção com o meia Morais, que não quis permanecer no clube e acabou sendo emprestado ao Corinthians, onde ficará até o meio do ano que vem.

'O Morais merece o nosso respeito pela trajetória que teve no Vasco, mas o respeito tem que ser mútuo. Se as pessoas só enxergam um lado, não podemos fazer nada', disse Roberto Dinamite.

Um dos reforços apresentados pelo Vasco, o zagueiro Fernando confirmou que precisará de alguns treinos com bola para recuperar o ritmo, já que não entra em campo desde abril. Outro desafio será vencer a resistência dos torcedores cruzmaltinos que, na partida contra o Palmeiras, protestaram contra a sua contratação, já que Fernando iniciou a carreira no Flamengo. 'Terei que mostrar meu valor dentro de campo e assim conseguirei conquistar a confiança da torcida. Venho muito motivado, sei da minha responsabilidade e não vou fugir dela', afirmou Fernando.

Nos próximos dias, o Vasco poderá apresentar outros reforços. Algumas negociações estão sendo conduzidas pelo gerente de futebol cruzmaltino, Carlos Alberto Lancetta. 'Continuamos tentando atender às necessidades do Tita. A gente está buscando outros nomes para fortalecer muito mais a equipe do Vasco', assegurou o dirigente.

Quem está deixando o Vasco é o meia Beto. O jogador não vinha aparecendo para treinar desde o início do mês, e a diretoria resolver rescindir seu contrato. No clube desde o início do ano, Beto passou mais tempo no departamento médico do que em campo. Sua última partida acontecera no início de julho, quando participou da derrota para o Flamengo no primeiro turno do Brasileiro.


Leia mais sobre:

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo