iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

09/08 - 15:06

Palmeirenses elogiam Ney, Túlio e até Cuca no Botafogo

"Vejo que o trabalho do Cuca, que ficou lá por dois anos, permanece ajudando lá”, disse Luxemburgo

Gazeta Esportiva

Ainda devendo boas atuações como visitante, o Palmeiras tem ressaltado as dificuldades para encarar o Botafogo neste domingo, no Engenhão, e conseguir sua terceira vitória fora de casa. Dentre os obstáculos citados pelos alviverdes, até mesmo quem não está mais em General Severiano foi lembrado.

Ao destacar a atual seqüência positiva dos cariocas com a chegada de Ney Franco – somou 17 dos 24 pontos possíveis –, Vanderlei Luxemburgo apontou Cuca, que deixou o time em maio, como um dos responsáveis pela campanha que coloca o Alvinegro próximo da zona de classificação à Libertadores.

“O Botafogo tem o mesmo time há muito tempo, eles estão entrosados. Vejo que o trabalho do Cuca, que ficou lá por dois anos, permanece ajudando lá”, avaliou o treinador, sem esquecer de elogiar o atual comandante da equipe, que assumiu depois de Geninho ser demitido há oito rodadas.

“O Ney entrou no Botafogo e a equipe começou a ir bem. Vai ser um jogo muito difícil por isso e também por ser fora de casa”, complementou Luxemburgo.

Além de quem senta no banco de reservas, outra preocupação palmeirense é Túlio. O volante marcou quatro gols nas últimas três partidas, alcançando Lucio Flavio na artilharia da equipe no Brasileiro com cinco gols. Mas o Verdão acredita que sabe como parar o ímpeto goleador do ídolo botafoguense.

“São oportunidades que ele vem aproveitando. A gente vai tenta neutralizar isso. Na medida do possível, o ataque pode fazer uma marcação na saída de bola para evitar que ele suba muito”, comentou Alex Mineiro.


Leia mais sobre:

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo