iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

08/08 - 15:39

Lopes admite mágoa, mas culpa lesões por má campanha do Vasco
Técnico ficou chateado por ter sido um dos últimos a saber da demissão; Carlos Germano volta ao clube

Gazeta Esportiva

RIO DE JANEIRO - Demitido do Vasco da Gama nesta quinta-feira, o técnico Antônio Lopes admitiu uma certa mágoa por ter sido um dos últimos a saber da decisão tomada pela diretoria. O treinador – que conquistou apenas cinco vitórias em 18 jogos no Campeonato Brasileiro – culpou as seguidas lesões do elenco pela má campanha na competição.

“Chegamos a ter 17 jogadores no departamento médico, e isso pesou bastante. Jogadores importantes como o Jorge Luiz, o Jonílson e o (Leandro) Bomfim ficaram muito tempo fora, assim como o Morais. Com isso, tivermos que lançar abruptamente muitos jovens, e a equipe sentiu um pouco a falta de maturidade”, comentou Lopes, em entrevista à rádio Tupi.

O treinador disse ainda confiar que Tita, contratado para substituí-lo, possa ter sucesso no Vasco. “Ele já trabalhou em vários clubes pequenos e fez bons trabalhos. Acho que ele poderá comandar bem o Vasco”, finalizou.

Com a chegada do Tita, confirmada nesta quinta-feira, o Vasco poderá tentar novamente a contratação do zagueiro Gustavo, ex-Corinthians, Atlético-PR, Palmeiras e São Caetano. O nome do jogador agrada a muitos dirigentes e também ao treinador, e já havia sido especulada durante a última passagem de Antônio Lopes pelo clube.

Se o elenco vascaíno já não contará com reforços de peso no Brasileirão, ainda irá perder um de seus destaques. Quem desfalcará o Vasco mais à frente por cerca de 20 dias é o atacante Alan Kardec. No dia 30, ele se apresenta à seleção brasileira sub-19 que disputará a 6º Torneio Internacional de Sendai, no Japão, de 11 a 15 de setembro.

Carlos Germano
Sem muitos recursos financeiros, os dirigentes cruzmaltinos já avisaram que a chegada de reforços de peso é inviável no momento. Tanto que, para melhorar o desempenho da defesa, o clube trouxe de volta seu antigo ídolo Carlos Germano. No entanto, o terceiro goleiro do Brasil na Copa do Mundo de 98 retorna a São Januário na condição de preparador de goleiros.

E no que depender o ex-camisa um, seu sucessor Tiago poderá cobrar faltas normalmente, o que estava vetado quando Antônio Lopes era o técnico. “Acredito que o Tiago está credenciado para cobrar faltas e pênaltis. Principalmente pelo que mostrou na Portuguesa. Mas a decisão caberá ao Tita”, disse Carlos Germano à rádio Brasil.


Leia mais sobre: Vasco Antônio Lopes

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo