iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

06/08 - 17:26

Contra o Coxa, Lopes comemora 600 jogos no comando do Vasco

Neste ano, treinador faz sua sexta passagem pelo Vasco, chegando ao 11° Brasileirão frente ao time carioca

Gazeta Esportiva

RIO DE JANEIRO - A partida do Vasco contra o Coritiba, que acontece nesta quarta-feira, em São Januário, será histórica para o técnico Antônio Lopes: o comandante completará 600 partidas à frente do time cruzmaltino. Vascaíno assumido, o treinador deixou de lado a tensão presente no momento atual e comemorou a marca alcançada.

“A gente fica feliz em completar 600 jogos. É um orgulho muito grande. Todos sabem que minha família é toda vascaína, eu fui torcedor de arquibancada e geral. Quem dera que meu pai tivesse vivo para presenciar este momento, do filho alcançando esta marca. Ele ficaria muito feliz. Mas ele está lá de cima vendo tudo”, disse à Rádio Globo.

Em 2008, Lopes faz sua sexta passagem pelo Vasco, chegando ao 11° Brasileirão frente ao time. Seu retrospecto no clube também é memorável: em 599 jogos, conquistou 306 vitórias, 146 empates e 147 derrotas, alcançando praticamente 60% de aproveitamento dos pontos.

Entre as diversas conquistas que deixou em São Januário, destaca-se o Campeonato Brasileiro de 1997, quando comandou o time que contava com Edmundo, Evair, Mauro Galvão, Juninho Pernambucano e Ramon rumo ao título nacional. Outra glória em sua carreira aconteceu quando derrotou o Barcelona de Guayaquil-EQU, conquistando Copa Libertadores, em 1998.

Apesar de a marca de 600 jogos no comando do Vasco remeter às grandes conquistas, o treinador mantém os pés no presente e estará em campo nesta quarta-feira, às 19h30 (de Brasília), tentando alcançar uma vitória diante do Coritiba para aplacar a crise que paira sobre São Januário: o time ronda a zona de rebaixamento do Brasileirão, na 14ª colocação.


Leia mais sobre: Coritiba Vasco Antônio Lopes

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo