iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

05/08 - 17:25

Registro de André Lima gera reclamação oficial do Vasco da Gama
Camisa 19 do São Paulo, autor de dois gols no domingo, teria sido inscrito antes do prazo permitido pela CBF

Gazeta Esportiva


RIO DE JANEIRO - O departamento jurídico do Vasco da Gama teve uma terça-feira bastante agitada. No mesmo dia em que protestou contra a arbitragem da derrota por 4 a 0 para o São Paulo, em partida no final de semana no Morumbi, o clube carioca ainda reclamou de uma suposta irregularidade na inscrição do atacante André Lima, que fez sua estréia pelo Tricolor no final de semana.

Autor de dois dos quatro gols da partida, o camisa 19 do São Paulo teria sido inscrito pelo time paulista antes do prazo permitido pela CBF. Segundo o Vasco, André Lima apareceu no Boletim Informativo Diário (BID) da CBF em 1º de agosto, enquanto a Confederação permitiria a inscrição de atletas vindos do exterior apenas entre 3 e 31 de agosto.

O documento oficial, assinado pelo presidente Roberto Dinamite, cita a estréia de André Lima pelo São Paulo e até reconhece que o jogador teve uma “atuação destacada” na partida. No entanto, lembra que o ex-botafoguense veio do Hertha Berlim-ALE no meio do ano, e que se encaixaria nos critérios criados pela entidade máxima do futebol brasileiro para registros em agosto.

“Consta no sítio dessa entidade na internet a resolução da presidência da CBF, RDP nº 02/2005, que dispõe sobre os períodos de inscrição e registro de jogadores profissionais transferidos para o Brasil, a qual fixa o segundo período de registro de atletas no prazo compreendido entre 3 e 31 de agosto de cada ano”, diz o comunicado, que prossegue.

“Entretanto, para surpresa do consulente (Vasco da Gama), o São Paulo registrou o atleta antes do referido prazo, utilizando-se do jogador antes do início do período de inscrição fixado pela própria CBF”, argumentou.

Baseado na incompatibilidade de datas defendida no documento, o Vasco solicitou apenas esclarecimento inicial da questão ao diretor de competições da CBF, Virgílio Elísio Neto. Segundo o clube, os procedimentos adotados se encontrariam “em rota de colisão com as normas dessa Confederação”.


Leia mais sobre: André Lima São Paulo Vasco

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Vipcomm/Divulgação

Festa irregular?
Segundo o Vasco, André Lima apareceu no BID em dia fora do prazo permitido

Topo